Blog do Geraldo José - Imprimir Matéria

Familiares acusam hospital de negligência médica e querem agilidade na exumação de corpo, para autópsia autorizada pela justiça 

publicado em 06 de Dezembro / 2018 às 06:30 | Policial
Familiares suspeitam de erro médico na morte de Maria Albuquerque, de Afrânio

Familiares da senhora Maria Albuquerque Rodrigues França, de extrema, em Afrânio, não se conformam com a demora para o IML, em Petrolina, cumprir ordem judicial, assinada pela Juiza Tallita Cruz Sampaio, de paulistana, que determinou a exumação do corpo desta senhora, que faleceu no último dia 08 de novembro, no trajeto, entre Paulistana e Petrolina.

Os familiares reclamam de erro médico nos procedimentos feitos pelo Hospital e Maternidade Petronília Cavalcanti, em Paulistana, e demonstrando insatisfação e indignação com a demora no cumprimento da decisão judicial que determina a exumação do corpo para que sejam investigadas as causas do seu óbito.

Em conversa com o Blog Geraldo José, Romero Albuquerque, irmão, disse que “a família está indignada com essa situação e quer uma resposta das autoridades do estado e do IML, que já recebeu a determinação judicial, mas até o momento não se manifestou”, criticou.

De acordo com familiares da senhora Maria Albuquerque, ela foi encaminhada de Afrânio para paulistana para tratamento de vesícula, ficou internada no Hospital e Maternidade Petronília Cavalcanti, teve estado de saúde agravado e acusam o hospital de “demora no encaminhamento para uma unidade com melhor referência”.

Na decisão, datada em 24 de novembro, a Juiza Tallita Cruz Sampaio diz que “A exumação para exame de cadáver, prevista no artigo 163 do CPP, pode ser necessária para realizar-se a autópsia, quando surgem dúvidas sobre a ocorrência da causa mortis, o que até o sepultamento não havia”, anotou. A família pede providencias urgentes para cumprimento da decisão judicial e apela para o IML de Pernambuco, em Petrolina, onde foi registrado o óbito.

Da redação Blog Geraldo José

© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2018. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.