Blog do Geraldo José - Imprimir Matéria

Presidente nacional do Incra será comandado pelo general Jesus Correa, em Petrolina Bruno Medrado foi exonerado

publicado em 11 de Fevereiro / 2019 às 20:30 | Variadas

O presidente Jair Bolsonaro anunciou, por meio de rede social, a indicação do general do Exército Jesus Corrêa como o novo presidente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

Na região do Vale do São Francisco, no Diário Oficial no final do mês passado, foi publicada a exoneração de Bruno Medrado, da Superintendência do Instituto Nacional Colonização Reforma Agrária (Incra) em Petrolina. Bruno ficou à frente do Incra em Petrolina por dois anos e meio, por indicação do deputado federal Augusto Coutinho (SD). O Incra Petrolina atua em municipios de Pernambuco e Bahia. Até o momento não foi definido o substituto de Bruno Medrado. No início do ano, Bolsonaro transferiu para o Ministério da Agricultura a atribuição de identificar, delimitar e demarcar terras indígenas e quilombolas.

Até então, a atribuição sobre as terras indígenas ficava com a Fundação Nacional do Índio (Funai), vinculada ao Ministério da Justiça; e sobre os quilombolas, com o Incra. No começo do ano, o Incra se envolveu em uma polêmica depois de publicar memorandos que ordenavam a suspensão de todos processos de reforma agrária no país. Os memorandos foram revogados por ordem do presidente Jair Bolsonaro. O responsável pelo Incra na época afirmou que os documentos haviam sido publicados sem anuência do presidente do instituto.

Redação Blog

© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2019. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.