Blog do Geraldo José - Imprimir Matéria

ESPAÇO DO LEITOR: COMERCIANTE DENUNCIA ABANDONO DA AMPLIAÇÃO DO CAMELÓDROMO 2 DE JULHO EM JUAZEIRO (BA), AMA RESPONDE

publicado em 05 de Abril / 2019 às 06:00 | Espaço do Leitor

O comerciante e leitor Alex Santos enviou e-mail ao Blog GJ Notícias com uma série de questionamentos sobre a obra de ampliação do Camelódromo 2 de julho. Veja:

Geraldo há mais de um mês passando pelo terminal de ônibus entrei no Camelódromo 2 de Julho e me deparei com um patrimônio construído numa parceria entre o poder público e a iniciativa  privada que culminou na ampliação do camelódromo, mas fiquei em dúvida se é construção nova ou velha, pois o que vi foi um espaço depredado, todo deteriorando, onde muitos pais de família podiam estar ali trabalhando, gerando renda para suas famílias e para o município.

Geraldo veja as fotos o abandono que está esse espaço, cobertura passou por um incêndio, registro de água danificado, pingando, um tremendo mau cheiro onde os moradores de rua estão fazendo de moradia e de banheiros públicos.

Geraldo fica a pergunta no ar: “Esse espaço pertence a quem, ao município ou ao grupo de empresários que fez essa parceria? Independente a quem pertença, por que não termina e passa para quem de direito com objetivo de dar oportunidade a quem precisa trabalhar” concluiu Alex Santos, popular Alex do Mercado Joca de Souza Oliveira.

NOTA AMA: A autarquia Municipal de Abastecimento/AMA comunica que a equipe de manutenção da AMA junto com a direção já esteve no local avaliando e acompanhando o andamento da obra de reforma do Camelódromo 2 de Julho. Todas as demandas de reparo nessa fase final do projeto estão sendo feitas.

A AMA esclarece que a obra será entregue em condições seguras e adequadas para os permissionários e visitantes do espaço. O Camelódromo 2 de Julho em Juazeiro possui atualmente 248 boxes no espaço, entre lanchonetes e pontos comerciais, com a obra de ampliação esse número será ampliado para 314.

Da redação

© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2019. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.