Blog do Geraldo José - Imprimir Matéria

JUAZEIRO DESVIANDO-SE DO "MAIS DO MESMO"

publicado em 29 de Julho / 2019 às 10:30 | Espaço do Leitor

Em nossa tão sofrida e esquecida cidade de Juazeiro, nesses tempos de ultra polarizações políticas, não é nada fácil agradar a "todos os gostos". As redes sociais e os principais blogs de nossa região são um verdadeiro termômetro do gosto da população que dá espaço democrático para comentários, críticas e sugestões. Numa visão nacional, desde que Jair Bolsonaro chegou à presidência, pautas que há anos são defendidas pela esquerda foram jogadas no lixo. A conservação do meio ambiente deixou de ser prioridade, a política de igualdade de gênero ficou de lado, as propostas armamentistas estão dando muito trabalho ao Congresso, enfim, o Brasil se aproxima cada vez mais dos Estados Unidos. Parece que a única alternativa de defesa, ou retaliação dos militantes é torcer por um novo vazamento do The Intercept para ganhar fôlego. Aliás, o que já se vê nesse movimento esquerdista é gente dando entrada no hospital enfartando e gente fugindo já do país se sustentando com o nosso dinheiro.

Isso tudo se reverbera aqui em nossa cidade quando leio as publicações e os comentários nas redes sociais e também nesse blog. Embora cada um defenda o seu ponto de vista e seu possível candidato para 2020, é comum vermos brigas e ofensas entre asseclas que a todo custo querem empurrar suas ideias e seu "Posto Ipiranga" goela abaixo dos menos esclarecidos! O debate é útil quando se cultiva o respeito, a boa argumentação e a educação. Só que, fazendo uma análise das últimas Eleições, de uns dez anos para cá, observa-se o circo do jogo sujo, onde as mentiras (fakenews) ganham corpo e suposta credibilidade. Isso sem falar do derrame de favores preliminares à abertura oficial das campanhas, onde o tapinha nas costas e o dinheiro sujo para compra de votos sempre tiveram seus lugares proeminentes, ainda que "por de baixo dos panos", que infelizmente é uma prática bastante recorrente em parte do eleitorado.

O eleitor que vende seu voto achando que está se dando bem, está na verdade vendendo sua saúde pública gratuita, seu saneamento básico (coisa sofrível em nossa cidade), educação básica e segurança pública por quatro anos seguintes. Depois não adianta ficar escrevendo textão na internet ou protestar. Em 2020 teremos uma eleição importantíssima que vai nortear nossos próximos quatro anos de nossa cidade para melhor ou para pior! Antigamente o povo se deixava se vender por muito pouco, mas hoje, com as mídias sociais como Twitter, Facebook, Instagram e o WhatsApp mostrando um raio-x de cada candidato, até o toma lá – dá cá na "compra de votos" ( o que é CRIME ELEITORAL ) está perdendo também seu espaço. O processo eleitoral está mudando no país inteiro e aqui em Juazeiro, o que vai valer na verdade é o VOTO DE OPINIÃO! Ou seja, o que importa é o passado político, as declarações de posicionamento, o partido e as propostas que o candidato defende.

Mas, talvez você esteja se perguntando: "já que o voto de opinião será a bola da vez nessas eleições, como então  posso analisar as promessas dos candidatos em que vou votar?" Eu respondo: não é fácil, mas é ao mesmo tempo simples! Em primeiro lugar é muito importante que se saiba quais são as atribuições de cada cargo, pois é muito comum políticos prometerem certas coisas que não são de sua competência. Por exemplo, se um vereador promete construir novas creches, essa seria uma promessa inviável, pois os serviços de educação municipal são de responsabilidade da prefeitura. Ou seja, vereador não manda construir nada! Ele não tem poder para isso, pois, não manda no prefeito, entende?  Outro cuidado que devemos ter é com as famosas "promessas milagrosas". O nosso sistema político é complexo, há muitas regras e muitos interesses envolvidos, e governar um município não é nada fácil. Então, quando se deparar com uma promessa muito generosa, desconfie! Um prefeito nunca consegue dar uma canetada sozinho, a não ser que obrigue os vereadores a "concordarem" com o mesmo.

Fujamos dos Estelionatos Eleitorais, onde o candidato promete muitas coisas, mas quando eleito não as cumpre! Ainda não estamos em Campanha Eleitoral oficialmente, porém já podemos ver nas mídias sociais pré-candidatos gravando vídeos, denunciando falcatruas e (pasmem!) já pedindo "votos" com outras verbologias tais como, "me ajudem a ajudar vocês", "preciso que vocês compartilhem esse vídeo..." , "eu sou o único que estou contra o sistema..." e por aí vai. Não há nada de errado em protestar contra os maus atos de um prefeito e gravar isso em vídeo. Porém que se faça de forma inteligente e respeitando as regras do jogo e a Lei. Afinal de contas, a credibilidade de um postulante a cargo público passa já, bem antes das eleições, no crivo da honestidade. Como podemos confiar nosso voto em quem dias antes do jogo trapaceia e quebra as regras? Pensem nisso e Sigam o Fluxo gente Amiga!

ERRY JUSTO

Radialista e Jornalista

© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2019. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.