Blog do Geraldo José - Imprimir Matéria

PETROLINA: Prefeitura segue cronograma de patrolamento em área de sequeiro

publicado em 17 de Outubro / 2019 às 18:33 | Variadas

Equipes da prefeitura continuam intensificando o cronograma de patrolamento de estradas e ramais vicinais na área de sequeiro, zona rural de Petrolina. As máquinas garantiram melhorias em Uruás, Cruz de Salinas e se encontram em Atalho a caminho de Caititu, o que totalizará 42 km recuperados.

As equipes já patrolaram os trechos entre Uruás a Cruz de Salinas, Cruz de Salinas a Atalho, Volta do Riacho a Mudubim, a antiga estrada que liga Buenos Aires a Carretão e de Atalho a Carretão. Em seguida, as máquinas seguirão para atender as comunidades de Uruás a Santo Antônio, Rajada, Caroá e depois Pau Ferro. Serão implementados aproximadamente 4 mil km, o que proporcionará maior segurança e mobilidade aos cidadãos e, principalmente, aos corredores de transportes escolares.

O secretário de Governo e Agricultura, Simão Durando, tem vistoriado os serviços e atendido à solicitação de diversas comunidades de sequeiro, ribeirinha e irrigada realizando, constantemente, reuniões para listar as principais reivindicações e colocá-las no planejamento do governo municipal para que sejam resolvidas assim que possível.

“Desde fevereiro deste ano mais de 500 km foram contemplados entre serviços de operação emergencial de tapa-buracos e patrolamento. A Prefeitura de Petrolina, através da Secretaria de Governo e Agricultura está cumprindo um cronograma intenso de recuperação de estradas vicinais e vilas na zona rural, quer seja na área ribeirinha, sequeiro, irrigada ou em assentamentos. Esperamos concluir esses serviços até Caititu para que de lá prossigamos com o compromisso do prefeito Miguel Coelho dando continuidade ao patrolamento para que possamos, até o final do ano, antes do período de chuvas estar com as estradas em condições trafegáveis”, reforçou o secretário.

No levantamento mais recente realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Petrolina apresenta mais de 4 milhões de km² e mais de 6 mil km de estradas vicinais que precisam, anualmente, receber a operação tapa-buracos em épocas chuvosas e patrolamento nos demais períodos do ano em que predomina o estio.

Ascom

© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2019. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.