Blog do Geraldo José - Imprimir Matéria

DA SÉRIE: SÓ OS VIVOS ENVELHECEM! WILSON "BROCOIÓ” DUARTE - ANNO DOMINI

publicado em 06 de Novembro / 2019 às 09:40 | Espaço do Leitor

Não me lembro ao certo

O tempo desse deserto tempo onde me lanço, me esperto e vou encontrando pessoas.

Umas passam, outras eqüidistantes... algumas por   perto

Algumas no "éter" evaporam.

Não lembro como conheci Wilson Duarte... acho que foi depois que voltei uma vez de São Paulo?

Ele recitava um jogo de futebol.

60 anos, quase me pegando e estamos nos devendo uma composição com letra de lobo e coração de leão.

Longevidade Wilson!

Tomo de Caetano a canção que faria pra você hoje!

 Homem velho deixa a vida e morte para trás

Cabeça a prumo, segue rumo e nunca, nunca mais

O grande espelho que é o mundo ousaria refletir os seus sinais

O homem velho é o rei dos animais

 

A solidão agora é sólida, uma pedra ao sol

As linhas do destino nas mãos a mão apagou

Ele já tem a alma saturada de poesia, soul e rock'n'roll

As coisas migram e ele serve de farol

 

A carne, a arte arde, a tarde cai

No abismo das esquinas

A brisa leve traz o olor fulgaz

Do sexo das meninas

 

Luz fria, seus cabelos têm tristeza de néon

Belezas, dores e alegrias passam sem um som

Eu vejo o homem velho rindo numa curva do caminho de Hebron

E ao seu olhar tudo que é cor muda de tom

 

Os filhos, filmes,livros,ditos como um vendaval

Espalham-no além da ilusão do seu ser pessoal

Mas ele dói e brilha único, indivíduo, maravilha sem igual

Já tem coragem de saber que é imortal

Maurício Dias

PS: Aproveitamos a homenagem de Mauriçola e nos irmanamo-nos nas felicitações ao companheiro do Blog e colega radialista Wilson Duarte.

Felicidades, longevidade e muita paz.

Geraldo José

© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2019. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.