Blog do Geraldo José - Imprimir Matéria

ESPAÇO DO LEITOR: A SOLIDÃO DO PRÍNCIPE

publicado em 30 de Agosto / 2011 às 20:30 | Espaço do Leitor

 

Todo e qualquer governo deve está perto do seu povo e realizando, não o que lhe é conveniente, mas, o que a sociedade precisa. Aquele que assim não procede está fadado à solidão do poder.

É o que esta acontecendo em Juazeiro, muitos partidos, muitos homens, alguns sérios, se juntaram para promover a alternância do poder na nossa cidade o que era um anseio da maioria da população. Às vezes é preciso experimentar o sal para entender a doçura do açúcar, não que outros governos fossem doce, porém, esse é salgado demais, chega ser amargo.

Sempre que escrevo algum comentário, ou envio algum texto para esse honrado blog, procuro não explicitar o nome de pessoas, até porque uma coisa é o governo ao qual pagamos, outra é o homem na sua integridade pessoal, que somente a ele diz respeito e seria covarde e indigno atacar o homem na sua pessoalidade.

No entanto me sinto levado, pelos fatos, a fazer referência ao nosso prefeito, não para difamá-lo ou denegrir a sua imagem, mas para alertá-lo quanto a um futuro que se apresenta de forma insofismável a ele e todos aqueles que se afastam do bem, muitas vezes em nome de interesse que supostamente não são nem dele nem da população, mas, a ingerência de gananciosos e enganadores carrega esse homem a cometer “enganos” que, mais tarde somente o príncipe pagará por eles.

Se contas foram rejeitadas a responsabilidade não é somente do prefeito, porém somente ele foi e será punido, somente ele devolverá dinheiro, enfim somente ele será condenado e nessa ocasião ele experimentará a solidão do poder e caminhará inexoravelmente para a forca ou cela aonde não mais receberá visitas, salvo de sua família, se ainda tiver.

Enquanto isso os abutres procuram outro pobre príncipe para transformá-lo em mais um animal em decomposição para o banquete.

Prefeito eu não sei se o senhor é muito esperto ou tão ingênuo que não consegue enxergar o óbvio.  Um dia o senhor saberá o porquê da “solidão do príncipe”.

 É lamentável.

Lucien Paulo

© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2019. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.