Blog do Geraldo José - Imprimir Matéria

Governo Wagner inicia recuperação de 48 KM da BA-210

publicado em 21 de Maio / 2010 às 11:30 | Política

Depois de muitos anos de sofrimento, o governo do estado da Bahia se sensibilizou às criticas e protestos da população de Sento-Sé, e deu início no dia 17, à recuperação de 48 km da BA-210, trecho Sento-Sé/Quixaba. Os serviços começaram no perímetro urbano da cidade Sento-Sé, com a retirada da camada asfáltica e desmatamento das margens da rodovia. A recuperação só está sendo possível graça a união entre a prefeitura municipal e câmara de vereadores, que intensificaram reivindicações ao governador e ao secretário de infra-estrutura, no sentido de melhorar a estrada.

Foram inúmeras audiências do prefeito Ednaldo Barros e dos vereadores com as autoridades estaduais, mostrando e justificando os prejuízos que o município vem acumulando com a falta de estrada. São pelo menos 150 kms totalmente esburacados entre Sento-Sé/Sobradinho, prejudicando o desenvolvimento da região que tem na agricultura irrigada a sua principal atividade econômica, mas está com a produção limitada, devido às dificuldades de escoamento.

Passageiros e motoristas já não agüentavam mais os transtornos provocados pela situação caótica da BA, que é a principal via para Juazeiro e outros centros financeiros do estado. O governo anunciou inicialmente a recuperação de 48 kms, mas garante que as obras vão continuar em mais duas etapas para concluir todo o trecho ruim.

Depois da obra licitada, foi travada outra luta entre as autoridades políticas de Sento-Sé e lideranças da região, que exigiam que os 48 kms anunciados fossem executados entre Sobradinho/Piçarrão. De forma sábia o governo reconheceu que a pior situação está no município de Sento-Sé e determinou que a obra seja executada entre a cidade de Sento-Sé e o distrito de Quixaba.

Texto: Ascom PMSSÉ Fotos: Tony Lopes

© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2019. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.