Blog do Geraldo José - Imprimir Matéria

JUAZEIRO E PETROLINA RECEBEM CONGRESSO SOBRE AGROMETEOROLOGIA NA RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS DO SETOR AGRÍCOLA

publicado em 12 de Agosto / 2017 às 10:00 | Variadas

No período de 14 a 18 de agosto, Juazeiro e Petrolina vão sediar paralelamente, o XX Congresso Brasileiro de Agrometeorologia (CBAGRO) e o V Simpósio de Mudanças Climáticas e Desertificação no Semiárido Brasileiro (SMUD). Com o tema “A Agrometeorologia na Solução de Problema Multiescala”, o objetivo do evento é promover um fórum de análise, discussão e compartilhamento de informações científicas sobre os resultados e avanços da pesquisa, ensino e extensão.

Na tarde desta sexta-feira (11), o pesquisador da Embrapa e um dos organizadores do congresso Iedo Sá participou do Programa Geraldo José (Transrio FM/Juazeiro AM) quando informou que o evento tem mais de 700 congressistas inscritos, de todos os estados brasileiros, além de diferentes países, como Argentina, Austrália e Estados Unidos.

“Entre o público estão pesquisadores, professores, estudantes, empresários, investidores, técnicos das áreas de produção e de cooperativas, extensionistas e demais profissionais que utilizam as informações agrometeorológicas para a sua atuação, autoridades e demais atuantes nos sistemas de produção agrícola e formuladores de políticas agrícolas” informou Iedo.

Ele lembrou que esta edição já bateu todos os recordes anteriores em números de trabalhos e de pessoas inscritas. Ao longo dos cinco dias de congresso, serão realizadas palestras e mesas redondas com renomados especialistas nacionais e internacionais, para discutir os principais problemas que a atividade agrícola possui nas distintas escalas espaciais e como a agrometeorologia auxilia nas suas soluções. O evento conta ainda com uma programação de minicursos, oferecendo aos congressistas a oportunidade de ampliar seus conhecimentos nos temas abordados.

Os temas a serem abordados são atuais e relevantes, relacionando o clima e a produção agropecuária, com destaque para as plenárias sobre potencial da produção agrícola no Brasil, zoneamento agrícola de risco climático, eventos extremos importantes para a agricultura, variabilidade climática, secas, crise hídrica e seus impactos, além daquelas sobre técnicas modernas para o monitoramento dos fluxos e gases do efeito estufa, mudanças climáticas e desertificação. Durante o evento, empresas públicas e privadas e organizações não governamentais farão a exposição de equipamentos, métodos e tecnologias de adequação e superação das adversidades do tempo e do clima p elo setor agrícola. Estudantes de diversas instituições e regiões também terão a oportunidade de apresentar experiências científicas na forma de resumos expandidos e completos, relatando a importância da agrometeorologia na melhoria de suas percepções sobre as atividades em suas diversas áreas. No total, foram 678 trabalhos inscritos, dos quais 549 serão apresentados na forma de pôster e 129 orais.

A programação tem início com uma palestra internacional sobre a Agrometeorologia na Solução de Problemas Multiescala – desafios diante das variabilidades climáticas e dos avanços tecnológicos –, com o pesquisador da Universidade da Flórida Clyde Fraisse. Já o encerramento conta com uma visita técnica a instituições de pesquisa, a exemplo da Embrapa Semiárido, em Petrolina-PE, e empresas agrícolas, como fazendas de produção de frutas e vinícolas da região.

O CBAGRO é uma realização da Sociedade Brasileira de Agrometeorologia e, nesta edição, conta com a organização da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa Semiárido) e Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), das Universidades Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), Federal de Pernambuco (UFPE), Federal Rural do Semiárido (UFERSA), Federal de Campina Grande (UFCG), Universidade do Estado da Bahia (UNEB) e Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE). Mais informações podem ser acessadas no site www.cbagro2017.com.br.

Da redação Fotos: Geraldo José

© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2017. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.