Blog do Geraldo José - Imprimir Matéria

Sobreviventes relatam pânico em naufrágio de lancha em Mar Grande

publicado em 24 de Agosto / 2017 às 16:31 | Charges

Alguns dos sobreviventes do naufrágio da lancha na ilha de Mar Grande, em Vera Cruz, Bahia, ocorrido na manhã desta quinta-feira, 24, relatou o desespero que vivenciou durante o acidente. 

O sonoplasta e morador da ilha de Itaparica, Edivaldo Santos, 53 anos, disse que começou a chover forte no momento que a lancha desembarcou. E, por conta dos ventos, ondas grandes se formaram. "Muita gente caiu no mar. Levaram duas horas para resgatar as pessoas. Absurdo, pois a lancha estava próxima do atracadouro", reclamou Edivaldo, sobre a demora do resgate.

A faxineira Morenita Santana, 34 anos, que também mora na ilha, disse que não havia segurança na lancha. "Não tinha nenhuma segurança. Quando a gente percebeu, a embarcação já tinha virado por cima da gente", disse a mulher, que vem a Salvador todas as quintas para trabalhar.

Assim que soube do naufrágio, o teólogo Marival Ramos, 51 anos, que trabalha em Salvador, correu para o terminal marítimo da capital baiana para saber notícias do filho Matheus Ramos, 23 anos, que estava na embarcação. "Eu peguei a lancha anterior, de 6h, já estava no trabalho. É um alívio muito grande de vê-lo bem", disse o homem, emocionado.

A Tarde Foto Reprodução TV Record

© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2019. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.