Blog do Geraldo José - Espaço do Leitor
Vale do São Francisco - 19 de Maio de 2019
|
Redação: (74) 3613-3479

Espaço do Leitor

publicado em 01 de Abril / 2019 às 20:00

Espaço do Leitor: Pedido a SEMAURB.

Caro Geraldo,

Acompanhamos com muita satisfação através do seu blog, a matéria cujo título “SEMAURB CONVOCA ORGANIZADORES DE FESTAS PARA REGULARIZAR ATIVIDADES SONORAS EM JUAZEIRO”, postado em 30 de março / 2019, nos trazendo a esperança de dias onde a ordem e a tranquilidade dos moradores do bairro Dom José Rodrigues sejam restabelecidas.

Conforme a matéria, “a produção de sonorização de forma desordenada é poluição sonora, portanto crime ambiental”. Complementando, ainda, o titular da SEMAURB, Jadson Barros afirmou que “conforme declaração e estudos da Organização Mundial de Saúde (OMS), alguns índices de pressão sonora por determinado período, são prejudiciais à saúde” e que “realizar eventos em locais públicos sem a autorização prévia do órgão gestor responsável pode acarretar punições, conforme a lei nº 018/2016 art. de 87 ao 115”.

Ler Matéria Completa
publicado em 01 de Abril / 2019 às 18:19

EX-DIRIGENTES CONTESTAM COMUNITÁRIO DO BAIRRO CASTELO BRANCO

O prédio da Associação do bairro Castelo Branco foi uma conquista dos moradores que durante anos lutaram por este espaço. Somente em 2014, após o envolvimento do vereador Alex Tanuri, é que a estrutura ganhou ares de instituição. Neste momento, a comunidade é atendida com mutirão de limpeza, que, certamente, chegará nos arredores do edifício comunitário.

Juntamente com empresários, moradores e o envolvimento do Vereador Alex Tanuri, foram criados espaços de esportes com a realização de diversos eventos, colocação de refletores, e revitalização das quadras de vôlei e futebol de areia, além do plantio de árvores nativas e exóticas.

Está planejado para o local uma nova ação que vai contar com a colaboração de moradores, empresários da região e também da Prefeitura de Juazeiro, que já se colocaram à disposição.

Ler Matéria Completa
publicado em 01 de Abril / 2019 às 07:30

COMUNITÁRIO DENUNCIA ABANDONO DA SEDE DA ASSOCIAÇÃO DE MORADORES DO CASTELO BRANCO

Em e-mail ao Blog GJ Notícias o comunitário do bairro Castelo Branco Carlos Augusto Lopes reclama do abandono da sede da entidade pela diretoria anterior. “Venho por meio do blog denunciar o descaso com a sede da Associação de Moradores do bairro Castelo Branco que está com as paredes pichadas, rachaduras, telhado danificado, água e energia cortados, mato e lixo em toda a área do prédio. Abandonado, o local serve de ponto para usuários de droga e prostituição. A culpa é da diretoria anterior ligada ao vereador Alex Tanuri pelo estado atual do prédio. A associação está destruída” expressou Carlos Augusto Lopes.

publicado em 31 de Março / 2019 às 23:00

ARTIGO – LAVANDO AS MÃOS... PARA O POVO?

Nada mais intrigante do que aquilo que se assiste no país nos dias atuais, em que muito se fala da harmonia entre os Poderes da República, condição prevista no Artigo 2º, da Constituição Federal de 1988, e ao mesmo tempo se convive com um descontrole verbal dos seus representantes que só estimula os conflitos entre eles, notadamente entre o Executivo e o Legislativo. Tem sido muito frequente a falta de coerência entre o discurso e a prática, bem como a inexistência de seriedade e firmeza entre o que é dito hoje e o que se repetirá amanhã. Trocando em miúdos, é um verdadeiro disse me disse, que maricas perdem feio.

Basta ver o quanto existe de inconsistência na comunicação entre o Presidente da República e o Presidente da Câmara de Deputados, por cuja Casa do Poder Legislativo se inicia a caminhada de qualquer Projeto do Executivo, a exemplo da importante Reforma da Previdência. Repercutiu negativamente o amadorismo de ambos, seja pela postura assumida ou a infelicidade das palavras pronunciadas. Do lado do Presidente da República e sua equipe de Coordenação política, é inconcebível que se omitam de ocupar o espaço devido da articulação para arregimentar os votos dos Deputados a favor da Reforma. Mais grave, ainda, foi a atitude de outorgar essa missão ao Presidente da Câmara, e logo depois declarar à imprensa que “a bola está com ele, já fiz a minha parte”, como se estivesse a LAVAR AS MÃOS. 

Ler Matéria Completa
publicado em 31 de Março / 2019 às 11:56

PROFESSOR EMITE NOTA DE REPÚDIO CONTRA O PREFEITO E A SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO DE JUAZEIRO

O professor Agnaldo José publicou na sua página pessoal no facebook e encaminhou mensagem ao Blog GJ Notícias repudiando ações do prefeito Paulo Bomfim e da Secretária Municipal de Educação Lucinete Alves. Confira:

NOTA DE REPÚDIO!

A Prefeitura Municipal de Juazeiro-BA e a Secretaria Municipal de Educação-SEDUC, nas figuras do prefeito Paulo Bomfim e de Lucinete Alves Silva que em comum acordo com o sindicato a APLB enviaram o projeto de reajuste com retroativo e VPNI para ser aprovado na Câmara Municipal, que segundo seria pago neste mês.

Entretanto, não houve o reajuste referente aos meses em atraso, nem tampouco a VPNI que a própria Prefeitura Municipal fez inúmeras propagandas em diversos blogs e imprensa de modo geral. A maioria dos professores estão revoltados com a falta de respeito e palavra.

Ler Matéria Completa
publicado em 30 de Março / 2019 às 23:00

Artigo - A diferença entre caridade e filantropia

Gostaria de iniciar este artigo propondo um desafio: você sabe dizer quando e como surgiu a palavra Filantropia? De origem grega, como tantas outras presentes em nosso extenso vocabulário, sua origem se dá na época de Platão (347 a.C), quando o filósofo instruiu seu sobrinho a investir os recursos da família para financiar uma universidade quer seria fundada pelo pensador – a Academia Platônica. E para garantir a manutenção e o funcionamento da instituição, que era feita por alunos e professores, o capital destinado era fundamental.

Ou seja, mesmo que a origem da palavra (etimologicamente falando) signifique “Amor à Humanidade”, seu contexto histórico já demonstra que a Filantropia vai muito além da caridade: envolve esforços para promover o fortalecimento concreto da sociedade. Diferentemente da caridade, que busca eliminar o sofrimento causado pelos problemas sociais, a Filantropia foca na eliminação ou na redução dos problemas em si.

Hoje, a Filantropia Estratégica, que envolve mudança efetiva, investimentos sociais e desenvolvimento, é um conceito em crescente evolução no Brasil. As organizações têm adquirido mais conhecimento para uma atuação planejada, organizada e eficiente. Além disso, a realização de ações conjuntas entre iniciativas públicas, iniciativa privada e sociedade civil (Terceiro Setor) fortalece o setor social na economia do país.  

Ler Matéria Completa
*Por Thais Iannarelli - diretora da Rede Filantropia
publicado em 29 de Março / 2019 às 23:00

Artigo - Não se entende patavina

"Não entendo. Isso é tão vasto que ultrapassa qualquer entender. Entender é sempre limitado. Mas não entender pode não ter fronteiras. Sinto que sou muito mais completa quando não entendo. Não entender, do modo como falo, é um dom. Não entender, mas não como um simples de espírito. O bom é ser inteligente e não entender. É uma benção estranha, como ter loucura sem ser doida. É um desinteresse manso, é uma doçura de burrice. Só que de vez em quando vem a inquietação: quero entender um pouco. Não demais: mas pelo menos entender que não entendo". Esta é uma das diversas inquietações de Clarice Lispector (1920 – 1977), escritora e jornalista ucraniana naturalizada brasileira.

O momento pelo qual passa o Brasil tem provocado inúmeros questionamentos e reflexões. Tem brasileiro entendendo, não entendendo e outros entediados com o 'tsunami' de acontecimentos negativos ocorridos ultimamente no país. Nunca na história se viu com tanta freqüência a incerteza se transformar em certeza e vice-versa. Como diz a expressão idiomática utilizada na Roma antiga, mas bastante atual e comumente empregada quando se desconhece um assunto: "Não se entende patavina".

Ler Matéria Completa
publicado em 29 de Março / 2019 às 21:30

Juazeiro: Leitor envia solicitação de melhorias no trânsito nas proximidades do Fórum

O leitor Manoel Pires envia email e solicita melhorias no trânsito nas proximidades do Forum.

Confiram:

Na cidade de Juazeiro, mais precisamente no Bairro Alagadiço, estão localizadas muitas instituições importantes, principalmente jurídicas. Entre as ruas Nova Veneza, Cícero Feitosa e Manoel da Paixão e as travessas José Guerra e Antônio Luís Ferreira se encontram o Fórum Estadual Conselheiro Luiz Viana, o Tribunal Regional do Trabalho, a Sede da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Tabelionatos, Cartórios, Imobiliárias e diversos escritórios de advocacia, além do comércio local.

No entanto, mesmo com tamanha concentração de importantes entidades públicas e privadas, onde tantas pessoas buscam serviços diariamente, aquela região não parece ter prioridade nas ações da Prefeitura de Juazeiro. O que se vê facilmente é lixo acumulado, desorganização viária e pouca segurança.

Ler Matéria Completa
Foto de arquivo do Blog GJ Notícias
publicado em 29 de Março / 2019 às 14:36

ESPAÇO DO LEITOR: NOSSOS GOVERNANTES

Já dizia a minha avó que: - “Quem com muitos paus mexe, um lhes dá na cabeça!” Partindo desse princípio o dito popular, acima citado, é a mais pura verdade. Senão vejamos o que aconteceu semana passada: Mais um Ex-Presidente da República preso, juntamente com alguns dos seus auxiliares mais próximos. Agora virou rotina!

Isso é uma afirmação de que o Brasil continua a ser passado a limpo, pelos membros do Ministério Público Federal, apesar de algumas resistências, principalmente por parte do Superior Tribunal Federal, que tem procurado, de todas as maneiras, acabar com a “Lava Jato.”

Ler Matéria Completa
Por Dr. Carlos Augusto Cruz Médico e Advogado
publicado em 28 de Março / 2019 às 20:15

ESPAÇO DO LEITOR: MORADORA DENUNCIA EXTRAVASAMENTO DE ESGOTO NO BAIRRO NOVO ENCONTRO

Leitora encaminha e-mail ao Blog GJ Notícias denunciando o extravasamento da rede de esgoto no bairro Novo Encontro: “Geraldo, moro no Bairro Novo Encontro e venho denunciar neste blog que na Rua Evilásio Goncalves dos Santos está um caos. Existe um problema que é constante de vazamento na rede de esgoto, e dessa última vez já está há mais de uma semana. O SAAE veio duas vezes, a última foi na terça-feira passada, a boca de lobo está transbordando e as portas estão cheias de esgoto, sem contar o odor e vermes que já estão à mostra. Peço aqui uma solução definitiva porque as contas não esperam, se passar do prazo cortam, e porque nós temos que esperar?” questiona Cíntia Oliveira.

publicado em 28 de Março / 2019 às 06:43

WANDA GUERRA – HOMENAGEM DE MÔNICA SANGALO

Em sua página pessoal no Facebook a cantora Mônica Sangalo prestou bonita homenagem à juazeirense Wanda Guerra, que faleceu dia passado em Salvador. Veja:

WANDA GUERRA - 27.03.2019

Liguei pro seu apartamento, telefone fixo, precisava de ajuda numas receitas de salgadinhos, nunca houve no mundo cozinheira mais fantástica que Vanda Guerra, a dona de Juazeiro.  O telefone chamou três vezes e a voz de Wanda na secretária eletrônica mandou:

-Você ligou para Guerra à procura de paz! Deixe o seu recado!

Desliguei, incrédula.

Morávamos todos no São Francisco Country Clube, bairro afastado do centro da cidade de Juazeiro, onde Mammy e Wanda, amigas de longa data, reinavam felizes e festeiras com suas filharadas. Wanda era vaidosa, gostava de vestidos longos, de dançar, era apaixonada pelo marido e pelos filhos, e conhecida largamente pela produção de coxinhas e balas puxa-puxa, as deliciosas iguarias que viraram sua marca registrada.

Não lembro claramente o ano, era muito menina nessa época, mas o caso é que Wanda Guerra convidou Mammy  pro chá de noiva que ela preparava em casa pra sua cunhada, de casamento marcado pra dali a alguns dias.

Acompanhei Mammy nessa festa, evento só para mulheres, não seria permitida a entrada de homens, haveria brincadeiras e jogos femininos, strip tease e o escambau, ia ser bem animado o encontro.

Ler Matéria Completa
publicado em 27 de Março / 2019 às 23:00

Opinião: Energia nuclear não é assunto somente para técnicos 

Heitor Scalambrini Costa*

Professor aposentado da Universidade Federal de Pernambuco

Existe uma estrategia clara dos defensores da energia nuclear, para produção de energia elétrica, em minimizar os acidentes que podem ocorrer nas indústrias envolvidas no chamado ciclo do combustível nuclear, em particular nas usinas núcleo-elétricas. Querem nos fazer crer que a segurança das centrais nucleares é infalível, e que acidentes com a liberação de material radioativo não acontecem, e nem acontecerão. Além de tentarem desqualificar aqueles que são contrários a utilização desta fonte de energia.

O discurso da infalibilidade de usinas nucleares é recorrente, como se fosse possível - risco zero - acontecer um acidente. O desatre em Fukushima mostrou ao mundo, que mesmo em um país de grande conhecimento e domínio tecnólogico, a natureza está fora do domínio do homem. E que acidentes podem sim acontecer, e quando acontecem são catastróficos.

Acidentes em usinas nucleares acontecem com muita mais frequência do que os conhecidos, e divulgados. Geralmente não chegam ao domínio público, não são revelados a população. E diferentemente de um acidente, por exemplo de avião, que atinge diretamente os passageiros, terminando no local e no instante que ocorrem; um acidente em uma usina nuclear com liberação de material radioativo, começa no instante e no local, mas depois centenas e mesmo milhares de pessoas em territórios inteiros sofrerão as consequências  provocadas pela radiação. E anos depois crianças nascerão com aberrações cromossômicas e desenvolverão leucemia, causadas pela absorção, por seus pais, de doses de radiação acima do tolerável.

Ler Matéria Completa
publicado em 26 de Março / 2019 às 20:45

ESPAÇO DO LEITOR: PONTO DE ÔNIBUS NA OSCAR RIBEIRO "A REVANCHE".

Geraldo, anteriormente eu havia postado uma foto do ponto de ônibus na Oscar Ribeiro (Veja aqui) que possui um desnível e quando chove não tem como escoar a água. Para comprovar a minha reclamação estou enviando novamente uma foto mais recente que por incrível que pareça está desenhado o mapa do Brasil e tem um ônibus parado bem na hora, para que a Prefeitura possa ENXERGAR O DESNÍVEL. Com certeza, isso pode provocar um acidente.

Atenciosamente,

João Antônio

publicado em 26 de Março / 2019 às 20:00

MORADORA DO JARDIM VITÓRIA FLAGRA VEÍCULOS DO SAAE JOGANDO DEJETOS EM LAGOA DE ESTABILIZAÇÃO DESATIVADA EM JUAZEIRO (BA)

Dia 03 de outubro de 2017 o Blog GJ Notícias publicou denúncia dos moradores do bairro Jardim Vitória contra o SAAE (Serviço de Água e Saneamento Ambiental) relatando que a lagoa de estabilização que estava desativada desde 2016 passou a ser aterrada com entulhos e outros dejetos recolhidos na cidade, o que para eles caracterizaria crime ambiental.

Nesta terça-feira, 26 de março de 2018, Edjane moradora do Jardim Vitória voltou a flagrar veículos do órgão municipal novamente despejando dejetos desconhecidos da população, mas que provocam enorme fedentina em toda comunidade.

Inconformada com a situação ela expressou: “Geraldo sou moradora do Jardim Vitória meu nome é Edjane e nós moradores estamos sofrendo muito com o descaso do SAAE. Esse problema já foi levado ao conhecimento do prefeito, mas nada foi feito. Estamos vivendo com fossas jogadas a céu aberto. O mau cheiro é grande trazendo muito transtorno para os moradores e muita muriçocas”.

Da redação
publicado em 26 de Março / 2019 às 11:32

ESPAÇO DO LEITOR: Leitora relata situação de idosa que vive em condições precárias e cobra poder público em Juazeiro, SEDES ENVIA NOTA

A leitora do blog, Daiane Leite, enviou à nossa redação, um relato triste. Segundo ela, uma senhora de 89 anos, Dona Sebastiana, vive em condições lastimáveis e pede ajuda. Veja o texto abaixo:

"Venho através deste admirável e conceituado blog, solicitar de vossa senhoria que veja a possibilidade de divulgar em seu blog, que é grande relevância em prestar serviço de utilidade pública a população san-franciscana, que se segue:

A sra Sebastiana Conceição (89 anos), está vivendo em extrema calamidade. Residente na quadra 30, número 9, no bairro João Paulo II, Juazeiro-BA, reside numa casa de alvenaria bem antiga, necessário reforma urgente e adaptações para cadeirante (onde a mesma nem possível cadeira de rodas, precisa-se de ajuda para compra-la), nem banheiro existe (isso é um caos) ,sem conforto algum para o estado de saúde, vale ressaltar que quando chove a casinha alaga, e a sra Sebastiana é obrigada ficar embaixo da chuva, todos os móveis que tem são doados pela vizinhança, a idosa é aposentada, porém os gastos são altos com: remédios, fraldas, alimentos, etc. Está sobre os cuidados da filha Maria da Conceição de (56 anos), que se emociona a relatar o caos que está vivendo.

Ler Matéria Completa
publicado em 26 de Março / 2019 às 10:36

ESPAÇO DO LEITOR: Mãe é impedida de frequentar aulas em Juazeiro por precisar levar seu bebê

A leitora Mariana Almeida entrou em contato com nossa redação relatando um drama que está vivendo em sua escola. Segundo ela, a estudante está sendo impedida de ir as aulas por que precisa levar seu bebê ao colégio. Entenda o fato contado pela própria, abaixo:

"Eu, Mariana, 19 anos, curso o 2° ano do ensino médio no colégio Estadual Hildete Lomanto e sou mãe de uma bebê de quase 2 meses. Para conseguir conciliar os estudos com a maternidade, eu decidi levar a minha filha à sala de aula. Assim que cheguei na porta do colégio fui barrada. A vice diretora da escola me proibiu de frequentar as aulas com a criança.

Ler Matéria Completa
publicado em 25 de Março / 2019 às 23:00

Espaço do leitor: Uma breve análise sobre a Obra da Travessia Urbana de Juazeiro

Prezada População de Juazeiro,

Quero relatar aqui, com a ajuda desse bendito meio de comunicação, uma análise sobre a obra da Travessia Urbana de Juazeiro, estrutura esta que, se concretizada, irá impactar muito positivamente a nossa cidade, tanto na questão da mobilidade, quanto nos quesitos de arquitetura, beleza e urbanismo.

Lembro muito bem que na passagem do ex-presidente Lula por Juazeiro, ainda em 2010, quando fazia campanha para Dilma Rousseff e inaugurava o Projeto Salitre, o ex-prefeito Isaac Carvalho apresentou esse projeto ao líder da nação, abrindo um grande desenho técnico em pleno palanque. O que Lula disse: "esse rapaz é novo na política, mas já sabe pedir. E como pede... essa bagatela custa só 76 milhões de reais".

Pois é. Isaac já passou por dois mandatos e o PCdoB já vai em 10 anos governando Juazeiro. E a tal obra da travessia? Nada de sair do papel.

Não é preciso ser engenheiro (como eu não sou) para saber que o maior custo dessa obra está relacionado à construção das bases e sub bases. Para isso, há de se fazer grande movimentação de terras e cascalhos, das jazidas para o local da pista. Isso custa muito caro, pois o frete dos materiais está relacionado ao valor dos combustíveis, mão de obra, aluguel de máquinas e equipamentos e, óbvio, lucro das empresas. Também há os custos com a compra desse insumo, que deve provir de jazidas licenciadas para tal. Isso também não é barato. Em se tratando de uma intervenção tão vultosa, os recursos para construção dos taludes levam, com certeza, a maior parte do orçamento.

Agora vejam, as pistas das BRs 407 e 235 na parte que atravessam a cidade já foram construídas num nível muito acima das ruas paralelas a estas. Os taludes já são muito altos. A meu ver, seria muito melhor simplesmente rebaixar essas pistas e usar o material retirado para construir as novas estradas, duplicando as rodovias. Isso economizaria muito tempo e a obra custaria bem menos, pois, como já se sabe, o maior custo é exatamente com terraplanagem.

Fato é que, se assim fosse, o custo da obra cairia pela "metade" e a articulação política para se conseguir os recursos seria bem menos desgastante. Hoje já teríamos uma obra concreta. Mas o que aconteceu foi que, certamente pensando que por estar do lado do Governo Federal, alinhados política e partidariamente, os governantes locais acharam que poderiam conseguir tudo que pedissem ao dono das chaves do cofre. O que se viu? Total fraqueza e falta de articulação política. E a população? Mais uma vez sai penalizada pela incompetência de seus representantes.

Manoel Pires - Bairro Santo Antônio

publicado em 25 de Março / 2019 às 13:36

ESPAÇO DO LEITOR: Toda Sexta tem Obra, Mas Todo Dia tem Obra Parada. Parte 1

Quando a prefeitura de Juazeiro lançou o “Programa Toda Sexta tem obra”, no ano de 2014, inaugurava-se o maior carro chefe da propaganda e do marketing político de Juazeiro, até o nascimento da filha do ex-prefeito ocorreu numa sexta-feira. Passado o período de ouro das obras públicas, impulsionadas pelo Programa de Aceleração do Crescimento – PAC, temos muitas obras paradas, algumas demorarão algum tempo para serem retomadas, causando muitos transtornos à população.

Ainda não se sabe qual o jogo contábil para as prestações de conta, uma vez que as obras públicas precisam obedecer a um cronograma de aplicação dos recursos e de execução da obra.

Em quase todos os bairros de Juazeiro tem uma obra parada, a mais recente é a obra de requalificação da avenida Adolfo Viana, que junto com o acesso do bairro Pedra do Lord, tem orçamento em 6 milhões, é isso mesmo 6 milhões.

Após uma série de reclamações por parte da população, o secretário respondeu que a obra parou por conta do carnaval, mas não disse o carnaval de que ano, alguns desavisados acharam que seria o carnaval desse ano, mas não foi. Uma obra canhestra que bem poderia melhorar a vida das pessoas e a mobilidade urbana, com quase 06 meses de início a obra não tem prazo para o término, e não se sabe ao certo o que se fará na avenida.

O canal da vergonha que corta o bairro Alto da Aliança e sepulta o riacho da Malhada da Areia, é uma das obras urbanas que tem causado muitos problemas para a população, ao fazer a intervenção no curso normal do riacho para a cobertura do mesmo, os dejetos estão se acumulando por trás do bairro Alto da Aliança, inclusive tem residências sendo invadidas pelos dejetos.

A cobertura dos riachos urbanos como vem sendo feito em cidades brasileiras, inclusive em Juazeiro. É uma prática dantesca, que concebe a urbanização das cidades por meio da canalização e cobertura de riachos que estão sendo transformados em verdadeiros canais de escoamento de esgotos.

Juazeiro precisa de gestores compromissados com a cidade, com a sua gente, com a sua história e com o seu futuro. Muitas praças poderiam serem construídas e reformadas, mais investimentos nas áreas da cultura, arte e educação; mais recursos para a saúde, obras de infraestrutura, mobilidade urbana; melhoria da vida de quem mais precisa dos serviços públicos. Enfim, Juazeiro precisa de gestores que gostem da cidade!

Eu sou mais Juazeiro!

Enio Silva da Costa

Educador e subtenente BM

Enio Silva da Costa Educador e subtenente BM
publicado em 25 de Março / 2019 às 11:00

ESPAÇO DO LEITOR: REJEITOS DE BRUMADINHO.

Onde devemos recorrer e nos garantirmos, para que todas as comunidades ribeirinhas do Rio São Francisco (Velho Chico) que utilizam as águas deste grandioso “Rio da Unidade Nacional” possam ter informações concretas e seguras quanto ao uso das águas.

Estamos diante de uma situação de emergência e até agora o SAAE (Serviço   Autônomo de Água e Esgoto) responsável pelo fornecimento do líquido precioso que sem ele não existiria vida humana, nem vida animal, nem vida vegetal; porquê até agora não se pronunciou para tranquilizar a todos?

Queremos uma resposta urgente, porque já observamos muitas famílias recorrendo a compra de água mineral para se garantirem até o momento em que houver tranquilidade para o uso deste precioso líquido.

Não queremos uma resposta da mesma forma como é de costume desta administração, dizer que já está monitorando os índices de aceitação para utilização da mesma. Não, não existe nenhum monitoramento feito até o presente momento, porque se assim estivesse sendo feito, por obrigação deveria ser divulgado um boletim semanalmente para que todos pudessem saber a verdade.

Uma Administração responsável deveria estar fazendo isso, informando aos usuários. No entanto as informações que observamos constantemente são cobranças indevidas de contas que ninguém consegue entender, recentemente paguei duas vezes uma fatura porque recebi uma notificação de uma conta em atraso, na verdade depois de procurar conferir todas as contas pagas, verifiquei o pagamento em duplicidade e se eu não fosse ao órgão reclamar não teria o reembolso, pois foi muito difícil provar a duplicidade do pagamento. 

Taxas abusivas de valor de coleta de lixo e de esgoto onde não existe rede de esgoto e por aí vai. Solicitamos uma resposta urgente.

Atenciosamente,

Taurino Fernandes de Souza

Engenheiro Civil

publicado em 25 de Março / 2019 às 07:00

MORADOR DO BAIRRO ANTÔNIO GUILHERMINO CRITICA ADMINISTRAÇÃO DE JUAZEIRO (BA), SAAE ENVIOU NOTA

Em e-mail ao Blog GJ Notícias Felipe juliano Souza da Silva faz relatos do abandono da administração municipal para com o bairro Antônio Guilhermino em Juazeiro (BA). Confira: “Nas ruas e avenidas do bairro Antônio Guilhermino o descaso é total com o abandono dos serviços públicos. Não há pavimentação do local e também falta saneamento. As vias estão alagadas e a água da chuva se mistura ao esgoto e toma toda a extensão das ruas.  Os problemas são antigos, mas para piorar a situação, estão com um saneamento no bairro que estão acabado com as ruas e avenidas deixando pior do que era. A situação é triste e os moradores não podem nem sair de suas casas pois a lama não deixa. Um desrespeito total com os moradores do bairro. As calçadas são tomadas por mato e sujeira. Os moradores vivem pisando na lama por não tem por onde passar, até os carros então com dificuldade de transitar dentro do bairro. Os comerciantes tudo com a lama e água dentro dos seus estabelecimentos. Não tem respeito com a população que vota. Quando chegam as eleições, eles vem no bairro cobrando os voto, mas eles não cumprem seus deveres, e os moradores ficam sofrendo com essa situação” criticou Felipe juliano Souza da Silva.

NOTA SAAE:

A obra de esgotamento sanitário do Bairro Antônio Guilhermino ainda não foi concluída por conta da dificuldade encontrada pela empresa com grandes camadas de rochas no subsolo. As redes coletoras já foram concluídas nas principais avenidas e o setor de engenharia do Serviço de Água e Saneamento Ambiental – SAAE informa que já está realizando as ligações condominiais e aguarda a liberação de uma área para a construção da Estação Elevatória. As ultimas chuvas que caíram na cidade acabaram que provocando situações de alagamentos, mas a equipe já está trabalhando para minimizar o problema, inclusive com o apoio de funcionários da Secretaria de Serviços Públicos (SESP) que farão capina nas ruas.

O SAAE entende e pede desculpas pelos transtornos provocados pela obra, mas salienta que os mesmos são temporários e que os benefícios serão bem maiores, vez que saneamento traz saúde e consequentemente uma melhor qualidade de vida para a população.

A Secretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano (SEDUR) esclarece que após a conclusão do Saneamento no bairro Antônio Guilhermino, será realizado um levantamento das ruas do bairro para que sejam inicíados os projetos de pavimentação.

NOTA SEDUR: A Secretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano (SEDUR) esclarece que após a conclusão do Saneamento no bairro Antônio Guilhermino, será realizado um levantamento das ruas do bairro para que sejam inicíados os projetos de pavimentação.

publicado em 25 de Março / 2019 às 06:00

JUAZEIRENSE RECLAMA DA DEMORA EM RESPOSTA PARA APOSENTADORIA

Aumentou a procura pela aposentadoria. Também ficou mais fácil agendar o pedido do benefício e, por isso, não se vê mais aquelas longas filas na porta do INSS, mas a velocidade na hora de analisar o processo continua a mesma. É lenta. A leitora Lúcia Bonfim encaminhou mensagem via facebook ao Blog GJ Notícias reclamando da demora para ter uma resposta ao seu pedido que foi dado entrada há quatro meses.

Confira a mensagem da leitora: “Geraldo José eu me chamo Lúcia, e lhe peço por favor, para você divulgar esta mensagem porque eu dei entrada na minha aposentadoria vai fazer quatro meses e não tenho resposta. O que eles falam é que não tem pessoas suficiente para trabalhar neste serviço por causa da demanda, mas nós não temos culpa, por isso eu peço aos governantes que resolvam, olhem mais para nós. Trabalhamos tanto e quando chega o tempo de aposentar tem esta falta de respeito, não só eu que está com este problema tem muita gente também peço ao presidente do INSS que coloque mais pessoas para trabalhar. Queremos o andamento em nossas aposentadoria porque tem gente que fez concurso do INSS só esperando ser chamado. Até quando nós vamos esperar? Tem gente que tem um ano esperando, é uma falta de respeito com idosos. Obrigado pelo este espaço” expressou a leitora.

Foto de arquivo do Blog GJ Notícias
publicado em 24 de Março / 2019 às 23:00

ARTIGO – UMA MÃO LAVA A OUTRA...

Tenho observado, com certa frequência, que o feedback passado por alguns comentários, torna evidente que a Esquerda não admite, em nenhuma hipótese, que aqueles que ela considera como de Direita sejam capazes de emitir uma análise crítica lúcida e independente e, logicamente, com postura imparcial nem sempre compreendida. 

Percebe-se um evidente amadorismo em algumas ações do novo governo, talvez até motivado pela natural inexperiência, o que não o isenta de uma lógica contestação. Isso não significa, contudo, que esteja ocorrendo uma repentina guinada do autor à esquerda, como alguém insinuou. Da minha parte não existe apego inconsequente ao nome pessoal do Bolsonaro em si, mas o desejo principal é que se viabilize o processo de mudança necessário, prometido e desejado por todos, após o testemunhado fracasso de um corrompido projeto político recente. Sobre isso, todas os fatos possíveis e inimagináveis estão aí todos os dias nos noticiários daqui e, infelizmente, também no exterior.

Da mesma forma gostaria de ver na Esquerda, quase sempre ideologicamente extremista, um posicionamento mais sóbrio, inspirado no equilíbrio e voltado à defesa dos interesses nacionais. Que tivesse um discurso próprio, caracterizado como “Esquerda Brasileira”, e não uma mera e inconfundível reprodução do contido na cartilha da “Esquerda Internacional”, já bastante repetitiva, desgastada e ultrapassada, uma vez que não se deram conta da evolução dos tempos.

Ler Matéria Completa
publicado em 24 de Março / 2019 às 18:00

ESPAÇO DO LEITOR: BOMBEIROS SALVAM CRIANÇA NA ILHA DO RODEADOURO E RECEBEM AGRADECIMENTO DO PAI

Em e-mail ao Blog GJ Notícias o leitor Leonardo Duarte faz agradecimento ao Corpo de Bombeiros de Pernambuco presente na Ilha do Rodeadouro o que acabou salvando a vida do seu filho. Confira o e-mail: “Hoje (24) foi um dia de festa duplamente, primeiro porque recebi a visita da mulher que ajudou a me criar, tecnicamente minha madrasta, mas a chamo de segunda mãe... E em segundo lugar porque pude contar com a ajuda de dois anjos: O soldado BM-PE Lucas Matter Muza e especialmente o também o soldado BM-PE Bryan Brendo de Carvalho Costa, que em um instante percebeu que meu filho estava engasgado e sem respirar e me ajudou a fazer a manobra correta de salvamento... Dois anjos que Deus colocou na hora certa e que as autoridades perceberam a necessidade de ter na Ilha do Rodeadouro uma guarnição de serviço. Obrigado aos guerreiros e irmãos, unidos pela farda e agora pela alma e coração. Obrigado! Deus os abençoe e muito obrigado” expressou Leonardo Duarte.

publicado em 23 de Março / 2019 às 23:00

ARTIGO - PAGAMENTO DO ADICIONAL DE INSALUBRIDADE A TRABALHADOR EXIGE PREENCHIMENTO DE REQUISITOS

*Josemar Santana

O Pagamento do Adicional de Insalubridade ao Trabalhador é uma previsão constitucional que se encontra disposta no artigo 7º, inciso XXIII, da Constituição Federal e que é regulamentado na CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), nos artigos 189 e 192 contemplando o empregado que se encontre em situações que se mostrem ofensivas à saúde, como forma de compensação.

A Constituição Federal de 1988 dispõe no seu CAPÍTULO II, dedicado aos DIREITOS SOCIAIS, artigo 7º, inciso XXIII (que alcança trabalhadores das iniciativas privada e pública), o seguinte:

“C. F. 1988

“Art. 7º. São direitos dos trabalhadores urbanos e rurais, além de outros que visem a melhoria de sua condição social:

XXIII – adicional de remuneração para as atividades penosas, insalubres ou perigosas na forma da lei;”

Ler Matéria Completa
publicado em 23 de Março / 2019 às 07:00

PRODUTORES DE MASSAROCA VOLTAM A CRITICAR SERVIÇO INACABADO PELA PREFEITURA DE JUAZEIRO (BA)

Realmente Juazeiro está jogada às traças! Está um caos total em todos os setores da gestão municipal: É secretário Estadual de Saúde desmerecendo os idosos em dizer que "velhos devem morrer em casa e não tomar espaço nos hospitais". Olhem que o prefeito municipal, os dois deputados estaduais de Juazeiro ("nossos representantes") estavam presentes em audiência com esse secretário estadual e segundo informações nada falaram em defesa de nossos velhinhos.

Toda população juazeirense deveria seguir o exemplo das pessoas das comunidades de Lagoa do Angico e Serra da Boa Vista, distrito de Massaroca,  quando na sexta-feira, dia 15/03, impediram que funcionários da prefeitura levassem a retroescavadeira de volta (para Juazeiro) sem se quer concluir os serviços de recuperação paliativa de acordo com o combinado com a gestão municipal. Secaram os pneus e subiram na máquina.

Temos em mãos todo cronograma de trabalho executado pela retroescavadeira (que trabalhou 53 horas) e do caçambão (trabalhou apenas 04 dias). Esse caçambão retornou para sede do município para realizar outras atividades e voltou para Lagoa do Angico com 12 dias depois quando tombou e foi necessário voltar para Juazeiro.

A prefeitura só tem um caçambão? No sábado,16/03, a convite da Associação dos Produtores do povoado de Lagoa do Angico, participei de assembleia extraordinária na comunidade para discutir o assunto onde foi deliberado em assembleia que não liberariam a retroescavadeira até a conclusão da recuperação paliativa acordada. Em reunião com a gestão municipal ficou acordado que de imediato seria feita essa recuperação paliativa e após o período das trovoadas seria realizada a recuperação total. Se quer foi realizada a denominada recuperação paliativa.

Ainda em assembleia, ficou definido que essa nota só seria enviada a imprensa a partir da última quarta-feira visto que houve uma promessa do caçambão retornar na última terça-feira. Como a promessa não foi realizada, neste momento, estamos novamente denunciando tamanho descaso, sendo importante salientar que fui autorizado e solicitado pela Associação de produtores de Lagoa do Angico para redigir e distribuir tal nota. Observando ainda que há necessidade de uma patrol e a prefeitura alega que está faltando lâmina. Acredito que com menos de R$ 2.000,00 compra as duas lâminas.

Só para recordar “essa região é o maior polo produtor de tomate do Vale São Francisco.  Mês passado quando foi feita a denúncia chegamos a falar que descia entre 5 a 7 caminhões com tomate, porém em pesquisa aos corretores de tomate do Ceasa foi constatado que descem cerca de 20 caminhões com tomate semanalmente.

Novamente solicitamos do poder público municipal a conclusão da citada recuperação das estradas de Lagoa do Angico e Serra da Boa Vista, distrito de Massaroca. Avisamos ainda que as comunidades estão cientes de seus direitos, unidos nesta causa e buscando acionar o Ministério Público.

Frank Chaves - Produtor na Serra da Boa Vista.

Voltar ao topo
© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2019. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.