Blog do Geraldo José - Bolsonaro diz que pretende acabar com 'ativismo ambiental xiita' e vai fundir Meio Ambiente e Agricultura
Vale do São Francisco - 19 de Dezembro de 2018
|
Redação: (74) 3613-3479
publicado em 10 de Outubro / 2018 às 09:00

Bolsonaro diz que pretende acabar com 'ativismo ambiental xiita' e vai fundir Meio Ambiente e Agricultura

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) disse ontem terça-feira (9) que pretende acabar com o que chamou de "ativismo ambiental xiita" e acabar com a "indústria de demarcação de terras indígenas". Em entrevista à TV Bandeirantes, o candidato também falou em dar "retaguarda jurídica" para que os proprietários de terras em zonas interioranas se defendam de invasões de terras.

"Quero fundir os ministérios da Agricultura e do Meio Ambiente. Não pode ter ambientalismo xiita no Brasil. Vamos acabar com a indústria de demarcação de terras indígenas. Índio não quer ser latifundiário. Índio quer poder arrendar a terra, quer poder fazer negócio, quer energia elétrica, quer dentista para arrancar toco da boca. O índio é ser humano como a gente. Não quer ser usado para políticas", disse Bolsonaro.

"O homem do campo quer retaguarda jurídica. Quer saber que o Estado vai fazer reintegração de posse no dia seguinte caso a terra dele seja invadida. Que não vão chegar demarcando a fazenda dele como terra indígena de um dia para o outro. Tem fiscais do ICMBio e do Ibama que vão para o campo para multar os caras", completou.

Sobre reforma da Previdência, o capitão reformado do Exército falou que não fará a que foi proposta pelo presidente Michel Temer (MDB). Ele criticou a idade prevista para a aposentadoria de policiais militares.

"Na proposta do Temer o PM aposentaria com 65 anos. Vai ser um fuzil ou uma bengala que vai aposentar? Mais de cem policiais perderam a vida no Rio. A expectativa do policial é de 50 e poucos anos. Nas Forças Armadas também", disse, prometendo acabar com as incorporações em salários de funcionários públicos.

"As incorporações são fábricas de marajás. Funcionário da Câmara já ganha bem, R$ 10 mil. Assume uma comissão e ganha mais R$ 10 mil. E aí depois incorpora o salário depois de alguns anos. E faz tudo de novo. Vamos acabar com isso", completou.

Ele ainda disse que tentará reduzir a maioridade penal para 17 anos. Segundo ele, a ideia é "tratar dos assuntos vagarosamente", para que no futuro outro presidente possa tentar passar a maioridade para 16 anos.

"Talvez para 17 anos. Pode não aprovar se for 16. Na Câmara, o projeto de redução para 16 anos foi uma fórmula intermediária. E parou no Senado. No futuro passam para 16 anos e a gente chega lá. 90% da população quer isso", disse Bolsonaro. 

TV Bandeirantes
POSTAR
6 comentários
Antes de comentar qualquer matéria leia as regras de utilização do blog. Qualquer comentário que violar as regras será automaticamente excluído por nossa equipe.

É proibido inserir links (urls) dentro do comentário, caso contrário o mesmo será deletado por nossa equipe.
publicado em 10 de Outubro / 2018 às 09:14
Realista

Isso sig dizer, despolitizar MINISTÉRIOS, ministérios a reboque, a serviço de POLÍTICOS que antes se diz fazer parte da vida do cidadão, do eleitor, depois da eleição vai fazer PARTE de organizações criminosas de divs NATUREZA. É isso ai, ele ta mais que CERTO, da eficiência e transparência ao órgão o qual tem que servi a todos e não a interesses de BANDIDOS políticos. Já era vamos eliminar dos câncer que destruíram o Brasil por muitos anos, 1 a dereita e pra acaba de matar a todos veio esses esquerdeopatas loucos por GRANA e cargos.

publicado em 10 de Outubro / 2018 às 10:18
Nonato dos santos

A diferença de Bolsonaro pra Hitler, é que Hitler era mais ganancioso e sonhava habitar o planeta com a raça ariana, eliminando Negros, judeus, Mulatos, Ciganos e Indios... Bolsonaro... como o Exercito brasileiro não tem o poder bélico pra encarar uma guerra mundial, simplesmente irá colocar cabresto e cela na democracia do povo brasileiro e controlar com o chicote da ditadura militar. Só não ver isso quem é burro. (Que me desculpe meus queridos equínos)

publicado em 10 de Outubro / 2018 às 10:20
Nonato dos santos

A diferença de Bolsonaro pra Hitler, é que Hitler era mais ganancioso e sonhava habitar o planeta com a raça ariana, eliminando Negros, judeus, Mulatos, Ciganos e Indios... Bolsonaro... como o Exercito brasileiro não tem o poder bélico pra encarar uma guerra mundial, simplesmente irá colocar cabresto e cela na democracia do povo brasileiro e controlar com o chicote da ditadura militar. Só não ver isso quem é burro. (Que me desculpe meus queridos equínos)

publicado em 10 de Outubro / 2018 às 11:30
Mariana

Vai botar as raposas nos galinheiros

publicado em 10 de Outubro / 2018 às 13:43
Marcio

O mundo todo preocupado com a destruição do meio ambiente, a ONU acabou de dizer que uma extinção em massa pode acontecer por conta do aquecimento Global. E esse imbecil, jumento, troglodita ignorante, querende facilitar mais ainda a vida dos grandes agricultores para terminar de acabar com nossa natureza. Deus nos livre de uma hora dessa.

publicado em 10 de Outubro / 2018 às 16:41
Danillo

Nonato, você é um ignorante, quase um silvícola... durante o regime militar bolsonaro tinha 9 anos. Ser contra as facções criminosas que tomaram o páis já naquela epoca, que forçaram o povo a ir as ruas implorar pela intervenção dos militares, é ser ditador? quem apoia ditaduras no munto todo, quer regular meios de produção, imprensa, submeter as FFAA a seus caprichos e submeter todas as forças policias auxiliares aos caprichos do poder executivo central, além de regular o judiciário e criar "conselhos de justiça populares" é a esquerda!

Voltar ao topo
© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2018. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.