Blog do Geraldo José - ARTIGO – BRASIL: A ESPERANÇA DE NOVOS TEMPOS
Vale do São Francisco - 19 de Junho de 2019
|
Redação: (74) 3613-3479
publicado em 06 de Janeiro / 2019 às 23:00

ARTIGO – BRASIL: A ESPERANÇA DE NOVOS TEMPOS

A nova equipe de governo 2019-2022

Superada a euforia da passagem de ano no dia 31 e a prolongada ressaca deixada pelos alegres festejos, já no dia 1º. a nação se deparou com as expectativas da posse do novo Presidente da República. Ouvi de muitos que as providências adotadas envolvendo a segurança do evento eram um exagero desnecessário. Mas, basta raciocinar com a lógica natural e sem preconceito de qualquer natureza, de que houve um atentado à vida do então candidato durante a campanha, em via pública, para justificar todo um planejamento preventivo, visando dar garantias não somente à vida do Presidente que seria empossado, como da população que ali compareceu para acompanhar o evento. Além disso, é preciso lembrar que a solenidade estava recebendo a presença de 46 Delegações, entre chefes de Estado ou seus representantes – o que foi uma prova de prestígio -, e a segurança dessas autoridades era uma obrigação de total responsabilidade para o país. Nesse particular, sobrou competência!

O fato concreto é que, agora, passamos a conviver com uma nova realidade político-administrativa, em que não somente mudou a figura do estadista e comandante maior do país, mas toda a estrutura de funcionamento operacional em todos os níveis, o que passa a ter efeitos reais e diretos na vida de todas as pessoas. Vamos esperar que o Brasil volte a ter vida produtiva com normalidade desde o 1º. de janeiro e não somente depois do carnaval, como era a tradição.

Naturalmente que a expectativa geral se reveste das mais diversas conotações. Por um lado, há a credibilidade e esperanças de uns, de que tudo venha a dar certo para o país e seu povo; por outro, encontram-se aqueles que, impulsionados pela prioridade às razões político-ideológicas, e com a forte carga de uma corrente negativa e contrária manifestam o desejo final do quanto pior, melhor! Não tenho dúvidas, contudo, que nesse campo não exista unanimidade, mas haja um contingente que admite dar um tempo à paz e à tolerância.

Quanto à solenidade de posse o cerimonial optou pela volta às tradições do desfile em carro aberto, no histórico Rolls-Royce, modelo 1952, somente usado nessas ocasiões. Os demais passos da programação foram marcados pela simplicidade dos personagens, sem perder a pompa e circunstância, inclusive com direito até a “selinho” pedido pelo povo, aos gritos, ao casal presidencial. Naquele momento, até a família real ficaria com inveja, se tivesse visto tantos súditos!

Cumprida essa etapa do processo de transição, porém, chegou a hora das ações concretas, naturalmente dificultadas pela conjuntura de ter de implantar novos métodos e filosofias de trabalho, o que sempre causa impacto e resistência. A missão será árdua, notadamente porque o sistema vem corrompido de longo tempo, e as reformas básicas imprescindíveis dependem do debate, entendimento e aprovação do Congresso Nacional, onde as votações sempre foram recheadas de alguns vícios e subordinadas à liberação de verbas para atender às bases políticas, infelizmente. Romper essa barreira, não vai ser uma tarefa fácil.

Urge que se tenha uma consciência conjunta do Brasil que se quer construir para o futuro dos nossos jovens, a partir de um momento presente de mais responsabilidade, com menos ufanismo partidário e mais expurgo das práticas abomináveis em todos os níveis de atividades. Que o combate à corrupção seja um dogma inquestionável, não para motivo de honra do governo, mas para que o bom caráter e a dignidade sejam qualidades inseridas na identidade do cidadão brasileiro. Recuperar a economia com decretos é mais fácil; resgatar valores morais perdidos, é uma tarefa muito mais difícil!

Oxalá esse povo que depositou nas urnas o seu voto de esperança e fé em um novo projeto político nacional, não venha também a se decepcionar, assim como ocorreu com outros milhões de brasileiros que há pouco testemunharam a falência de um Projeto de Poder usurpado pelo ímpeto de enriquecimento ilícito dos seus principais líderes, os quais deveriam ter dado o melhor dos exemplos. Entretanto, foi o que de pior existiu de acordo com aquilo que foi possível tomar conhecimento via os mais diversos noticiários, sem falar naquilo que não soubemos ou jamais saberemos.

Portanto, o que nos resta, é uma grande esperança nesses novos tempos! E porque não ter esperança agora, se antes tivemos! 

Autor: Adm. Agenor Santos, Pós-Graduação Lato Sensu em Controle, Monitoramento e Avaliação no Setor Público - Aposentado do Banco do Brasil (Salvador-BA).

POSTAR
23 comentários
Antes de comentar qualquer matéria leia as regras de utilização do blog. Qualquer comentário que violar as regras será automaticamente excluído por nossa equipe.

É proibido inserir links (urls) dentro do comentário, caso contrário o mesmo será deletado por nossa equipe.
publicado em 06 de Janeiro / 2019 às 23:21
DILTON LÁZARO.'.

Mais uma vez concordo com você. Investimos muitas esperanças em Novos Tempos. Esperamos que os novos gestores continuem sentindo nossas energias e nossas esperanças. Aproveito para desejar-lhe um Feliz 2019 e que o GADU continue permitindo que você esteja sempre com essa mente maravilhosa. Obrigado pela crônica. (Salvador-BA).

publicado em 06 de Janeiro / 2019 às 23:22
Eden Lopes Feldman

ESPERANÇA: esta palavra que é o centro desta sua motivadora crônica retrata um sentimento comum entre a maioria dos brasileiros, Agenor. Que optaram pela renovação. E, conforme sua análise, o combate a corrupção, aliado com eficiência e competência da máquina pública, tornaram-se o centro desta esperança. Para mim, embora possíveis erros que existiram ou possam surgir, o importante na minha opinião foi esta renovação. Que trouxe novas idéias balizadas pelo conceito tradicional do brasileiro. O Brasil esta reiniciando.E que o ressurgimento seja rápido para a imediata chegada dos novos tempos.

publicado em 06 de Janeiro / 2019 às 23:31
tania - trabalhadores lascados na mão de torturadores

Bosonaro e Moru assinou decreto sigilo absoluto do Coarf motorista da famiglia Bosonaro Queiroz 1.200.000.00? assim os deputados cabe fazer o imptma de Bosonaro. Blog Brasil247 e GGN

publicado em 06 de Janeiro / 2019 às 23:31
Acordadinho"@"

Leveza, sinceridade, atualidade são palavras chaves nesse Artigo onde a esperança também não faltou. Agora vamos ser sinceros: esse homem e filhos falam pelos cotovelos...!!! Eu sei que isso está no texto mas não posso deixar de também mencionar.

publicado em 06 de Janeiro / 2019 às 23:35
Suely - To preocupado com o Nordestino e os jornalistas

Faustao chamou Bozonaro de imbecil ou idiota? Quim? 998.00 uma vergonha. B171 3 filhos milionários senador e deputados e o povo lascados

publicado em 06 de Janeiro / 2019 às 23:37
EMANOEL APOLINÁRIO

A leveza do seu texto nos embala, mesmo antes de terminar um parágrafo, somos surpreendidos, durante a leitura pela vontade silenciosa de buscar adivinhar o que nos reserva o parágrafo seguinte. Texto adequado, contendo importante ponto de vista, que nos remete para o aprimoramento do nosso entendimento e visão sobre o contexto histórico do nosso País, trazendo ânimo e esperança. Tenho confiança de que a Nação Brasileira sairá vencedora com essa nova forma de governar. (Salvador-BA).

publicado em 06 de Janeiro / 2019 às 23:38
Madalena - perguntar a Quimm e Erry

PESQUISA MOSTRA BOLSONARO FRACO E LULA FORTE Por Paulo Moreira Leite, dos Jornalistas pela Democracia - Escolhido em segundo turno por 39,6% dos eleitores, confirma-se agora que a sustentação popular dos planos de governo de Jair Bolsonaro tem consistência de uma gelatina. Diz o Data Folha:  -- a reforma da Previdência é rejeitada por 71% dos brasileiros; -- o programa de privatização é rejeitado por 57%; -- a ideia de enfraquecer leis trabalhistas é rejeitada por 60%;  Quim e Erre Justu apoia maracutaias de Bozonaro e Queiroz sumiu? Bozo Errou tem que ir para cadeia

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 05:40
Edu - Quim e Ery INjusto defende B171 Hitler Bosonaro Marcola?

A esquerda é formada por pessoas que defendem princípios e valores que norteiam a nossa maneira de viver, e de lutar por um mundo melhor para todos. A divulgação de Fake News, é coisa da direita, eles não tem compromisso com a verdade. Não podemos abdicar de nossos valores morais, sob pena de nos tornarmos como eles. Não divulguem ou compartilhem Fake News.

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 05:45
Professor Moisés

LEIA A BIBLIA E VAI ENCONTRAR A RESPOSTA, O FIM SE ESCREVE, OS HOMENS SEGUIRÃO O FALSO MESSIAS ( Boso 171) .. É CHEGADO O FIM ANUNCIADO PELOS PROFETAS...IRMÃO CONTRA IRMÃO NAÇÕES CONTRA NAÇÕES, PAI CONTRA FILHO E FILHO CONTRA OS PAIS...O HOMEM DE DEUS( LULA) SERA ENCARCERADO E SOFRERA NAS MÃOS DOS MAUS ...

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 07:19
o bem observado

TA CADA DIA MAIS DIFICIL VIR AO BLOG PRA LER...DIFICIL.... novos tempos? com velhas práticas? com reforma que vai retirar o que resta de direito trabalhista?!?!? com ameaça de cortes de verba em saúde e educação se a reforma do Guedes não passar? só pode estar brincando. a ficha só vai cair tarde demais pra os eleitores desse que esta ai. Tão fanáticos quantos os eleitores do Lula/PT que eles tanto criticam.

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 07:49
FLAVIO MENDONÇA.'.

Realmente você tem a capacidade de vislumbrar que o povo depositou o voto de esperança e que o Brasil volte a ter uma vida produtiva com normalidade desde o primeiro de JANEIRO DE 2019 E NÃO DEPOIS DO CARNAVAL COMO ERA A TRADIÇÃO. E que a consciência conjunta do Brasil que se quer construir para o futuro dos nossos jovens seja uma realidade e que a CORRUPÇÃO ostentada no Governo do PT seja sumariamente extirpada. (Manaus-AM).

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 07:52
HENRIQUE TADEU

Particularmente, também achei exagerado o esquema de segurança. Quanto as expectativas, realmente são grandes, mas preocupa-me o discurso excessivamente liberal, principalmente do ministro da economia. Também está sendo excessivo os mimos para os militares. Até perdas do governo Fernando Henrique estarão sendo repostas... E nós, que também tivemos perdas exageradas, como ficamos? Vamos torcer para que as coisas melhorem para nós, também.

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 07:54
ZAKI OCKE

Muito bem. Parabéns!!!

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 07:56
PR. RUY MATOS

MAIS UMA COMPETENTE E OPORTUNA REFLEXÃO DO NOBRE COLUNISTA.

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 07:57
MARIA CÂNDIDA

Como sempre uma excelente reflexão, vamos voltar a ter esperança em dias melhores para todos, sem esquecermos de fazer a nossa parte. (Feira de Santana-BA).

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 09:26
EDSON TENÓRIO

Muito boa. Vamos dar tempo ao Mito (Camamu-BA).

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 09:42
NASSER KADRI (I)

Pois é, nobre Poeta... que assim seja! Mas (porém, todavia...) é importante lembrar - e relembrar, se necessário - que os malfeitos já sabidos não podem ser deixados de lado, não podem ser objeto de indulto, indulgência ou anistia prévios - a exemplo, só para citar um caso, das acusações que pairam sobre a figura do atual ex-presidente bem como as suspeitas de movimentação financeira inconsistente por ex-assessor de filho do Presidente empossado. O grande temor de vários políticos, sabe-se, é o dia "D", após a perda da famigerada imunidade parlamentar. E para o Sr. Michel Temer, (continua)

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 09:44
NASSER KADRI (II)

(Continuação) ...isso já ocorreu na tarde do dia 1º, ou, se se considerar os prazos legais, no máximo no primeiro minuto do dia 02 de janeiro último. Passando ele à condição de "simples mortal", deve ser investigado e objeto da mais rigorosa apuração de todos os fatos imputados à sua figura nos últimos tempos - a exemplo do ocorrido com seu assessor - ou ex-assessor flagrado correndo, como um rato, portando uma mala cheia do vil metal (salvo engano, a bagatela de R$ 500 mil). Esses e outros crimes, ou suspeitas de ilícitos penais, envolvendo seja-lá-quem-for (desde o ex-presidente (continua)

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 09:46
NASSER KADRI (II)

(Continuação) ...isso já ocorreu na tarde do dia 1º, ou, se se considerar os prazos legais, no máximo no primeiro minuto do dia 02 de janeiro último. Passando ele à condição de "simples mortal", deve ser investigado e objeto da mais rigorosa apuração de todos os fatos imputados à sua figura nos últimos tempos - a exemplo do ocorrido com seu assessor - ou ex-assessor flagrado correndo, como um rato, portando uma mala cheia do vil metal (salvo engano, a bagatela de R$ 500 mil). Esses e outros crimes, ou suspeitas de ilícitos penais, envolvendo seja-lá-quem-for (desde o ex-presidente (continua)

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 09:47
NASSER KADRI (III)

(continuação) ...Temer até o ex-assessor de um dos filhos do atual presidente), devem receber imediata atenção e andamento nas apurações para que se restabeleça a credibilidade da Justiça e do Governo, numa demonstração inequívoca de combate efetivo à corrupção, crimes do colarinho branco, etc. Em assim agindo, penso eu, o novo governo demonstraria, com ações e fatos, que os tempos efetivamente mudaram e que a Lei serve para todos. Obviamente concedendo-se a todos os envolvidos o sagrado direito constitucional à ampla defesa e ao contraditório. (Salvador-BA).

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 09:50
PAULO MAURÍCIO (I)

Caro Agenor. Estou, também, esperançoso de que o Brasil retome sua caminhada natural. Concordo com a segurança não foi exagerada, pois um ato concreto de atentado contra a vida de Bolsonaro foi perpetrado (era para tirar o candidato do caminho). Quem o promoveu tentaria de novo, para evitar que assumisse o cargo, pois tem medo de que alguma coisa muito grave venha a ser revelada (as que sabemos já nos deprimem e surpreende pelo tamanho - corrupção desenfreada sob a tutela do PT - Petrobrás, Eletrobrás, etc.), como a caixa preta do BNDES. Até agora não completaram a investigação (continua).

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 09:52
PAULO MAURÍCIO (II)

(continuação) ...sobre o atentado de Juiz-de-Fora. Quem é que paga os honorários (caros) dos advogados que estão defendendo o criminoso? O PT gerou a animosidade entre brasileiros, a ponto de se considerarem inimigos. O PT gosta de falar em democracia, mas quando a manifestação popular é contra ele se rebela e não tem a grandeza para aceitar a derrota. O Lula acabou de dizer que Bolsonaro foi eleito para acabar com o PT, ora, a conclusão que ele deveria chegar, então, é que a maioria do povo brasileiro se manifestou livre e democraticamente contra tudo o que o PT representa. (Salvador-BA).

publicado em 07 de Janeiro / 2019 às 12:00
QUIM

SUELY-MADALENA-EDU...POIS É AMIGOS,VOCES ESTÃO BRAVOS,PERDERAM A BOQUINHA,FORAM ROUBADOS,ENGANADOS,FEITOS DE IDIOTAS EM NOME DA 'DEMONIOCRACIA' PETISTA E AINDA EXALTAM UM LADRÃO QUE ROUBOU ATÉ CRUCIFIXO DO PALÁCIO,FICOU MILIONÁRIO ÀS NOSSAS CUSTAS.QUE VERGONHA ! TENHO PENA DE VOCES. EU APOIO UM CAPITÃO,VOCES APOIAM UM LADRÃO,ISTO FAZ TODA A DIFERENÇA.NÃO SE PREOCUPEM COM OS NORDESTINOS,BOLSONARO CUIDARA DISTO,TRARA PARA O NORDESTE A AGUA QUE LULA PROMETEU,ROUBOU E NUNCA TROUXE.CADE AS 3 REFEIÇÕES QUE LULA PROMETEU COLOCAR NAS MESAS DOS NORDESTINOS ?

Voltar ao topo
© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2019. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.