Blog do Geraldo José - Deputado Roberto Carlos indica ao governador a construção de uma maternidade em Juazeiro
Vale do São Francisco - 26 de Agosto de 2019
|
Redação: (74) 3613-3479
publicado em 13 de Agosto / 2019 às 06:00

Deputado Roberto Carlos indica ao governador a construção de uma maternidade em Juazeiro

O deputado Roberto Carlos (PDT), vice-líder do Governo na Assembleia Legislativa da Bahia, apresentou ao Governo do Estado, uma Indicação para que, através daSecretaria da Saúde do Estado da Bahia – Sesab, realize a construção de uma maternidade, na cidade de Juazeiro ou assuma a gestão da Maternidade Municipal.

De acordo com o parlamentar, o objetivo é, além de ampliar o atendimento à população de Juazeiro, estender essa assistência a toda região, uma vez que a maternidade municipal existente não comporta a demanda necessária exigida pela comunidade e região. A única maternidade de Juazeiro atende a gestantes encaminhadas de 53 municípios circunvizinhos situados na região de Pernambuco e Bahia.

“Essa alta procura justifica a necessidadede mais uma unidade que ofereça esse serviço ou que o estado assuma a maternidade para que supra essa demanda”, disse deputado Roberto Carlos.

Ascom Dep. Roberto Carlos
POSTAR
12 comentários
Antes de comentar qualquer matéria leia as regras de utilização do blog. Qualquer comentário que violar as regras será automaticamente excluído por nossa equipe.

É proibido inserir links (urls) dentro do comentário, caso contrário o mesmo será deletado por nossa equipe.
publicado em 13 de Agosto / 2019 às 07:57
Maria do Socorro

Para lembrar: Todos os 9 envolvidos no esquema que desencadeou a Operação Detalhes, da PF, inclusive o deputado Roberto Carlos (PDT) – alvo da investigação –, foram indiciados por formação de quadrilha, peculato, sonegação fiscal e lavagem de dinheiro... O procedimento identificou que servidores recebiam o salário – que variava de R$ 3 mil a R$ 8 mil – e repassavam parte ou até mesmo todo o dinheiro para os parentes de RC. Para tentar evitar suspeitas, os valores eram transferidos indiretamente para contas de terceiros.

publicado em 13 de Agosto / 2019 às 08:03
Andréia Macedo

Depois que deixaram fechar a Pro Matre, esses políticos que nada fizeram pela saúde da mulher lançam projetos eleitoreiros para fazerem campanha. Esse deputado não representa Juazeiro.

publicado em 13 de Agosto / 2019 às 10:42
KleiaSouza

Bom dia Geraldo! Presto bem atenção em todas as publicações do Dep. Roberto Carlos, que essa pessoa por Codinome MARIA DI SOCORRO A LEGÍTIMA , que de Legítima não tem nada! Fica de prontidão esperando uma publicação de Roberto, para fazer os mesmos comentários! Estranho não acha? Porque essa pessoa persegue tanto ele, com esse tipo de difamação? Será que essa pessoa não tem medo de ser processado? Porque tanto ódio? Porque tanta perseguição? Se essa pessoa morrer hj, será que a sua alma teria salvação?Porque que destila tanto ódio a esse rapaz? Vc parece que se alimenta de ódio! Deus e +

publicado em 13 de Agosto / 2019 às 10:47
Kleia Souza

E outra coisa, Maria do Socorro A Legítima! Todo mal que desejamos ao próximo, volta em dobro pra nós! Vá orar, tire esse ódio do coração e vá viver em paz! Vire essa página da sua vida, tire esse ódio do coração em nome de Jesus!

publicado em 13 de Agosto / 2019 às 12:28
José Paulo

Perto das Eleições essas Almas aparecem com Projetos mentirosos. Primeiro eu quero que a Policínica funcione na sua totalidade.

publicado em 13 de Agosto / 2019 às 16:04
Maria do Socorro - em busca de justiça

Dona Kleia eu desculpo sua ignorância em não conhecer a operação DETALHES, que levou para o bolso de políticos o dinheiro público que poderia ajudar a senhora a cuidar de sua saúde. Não julgue o livro pela capa e nem o monge pelo hábito. “Quem é esta mulher, que canta sempre este estribilho?” (Chico Buarque e outros). E vou continuar cantando até a Justiça ser feita, pois também acho que “É inaceitável que políticos sob suspeita de corrupção sigam na vida pública” - Ministro Sérgio Moro.

publicado em 13 de Agosto / 2019 às 22:22
genival oliveira

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk papo furado

publicado em 13 de Agosto / 2019 às 22:39
genival oliveira

os vereado bota 12 fucionarios como se trabalha se para eles pela camara. DEP FAZ A MESMA COISAS BESTEIRA E DESE JEITO

publicado em 14 de Agosto / 2019 às 07:22
Mário da Piranga

Olha a citação final do comentário de Maria do Socorro, o retardado do Moro, manipulador de processo, aproveite e desvende aí pra nós o caso do Queiroz, a narrativa é igual a do caso detalhes, se empenhe nessa frente tbm!

publicado em 14 de Agosto / 2019 às 12:42
LEAL E TRABALHADOR

Maria do Socorro, gostaria de saber se você faz esses comentários nas publicações dos demais políticos. Pode me informar? Gostaria também que apontasse um político que não tem nenhum processo em aberto. Mais, o que você faz pra sempre ser a primeira pessoa a postar comentários? Entendo que queira justiça, mas lembre que ela não é seletiva! PARA TODOS: O deputado foi reeleito ano passado, ele tem que trabalhar os 4 anos, lembrando que não estamos em ano de eleições, e qual o político não trabalha pelo povo pensando na reeleição? A eleição para ele é daqui 3 anos e ele trabalha sempre!

publicado em 14 de Agosto / 2019 às 22:09
Maria do Socorro - a legítima

Seu Leal e Trabalhador, quem se esconde atrás de nomes falsos não merece resposta, mas lhes digo que a nossa política está cheia de gente desonesta, como todos sabemos. E nesta política só existem dois tipos de pessoas: as que enganam e as que pagam a conta. Se você não é um dos ladrões do dinheiro público, você está pagando a conta. Enquanto a justiça não for feita em minha terra, cantarei meu estribilho. Como a história do beija flor e o incêndio, faço minha parte.

publicado em 14 de Agosto / 2019 às 22:12
Jorge Silva

Rapaz o cara responde a processo por desvio de dinheiro público e o escambau e ainda vem chamar o cara de leal e trabalhador. Pelo amor de Deus. Menos.

Voltar ao topo
© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2019. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.