Blog do Geraldo José - Câmara de Juazeiro aprova autorizações de abertura de crédito para Executivo, inclusive, empréstimo de R$ 35 milhões junto ao Desenbahia
Vale do São Francisco - 13 de Outubro de 2019
|
Redação: (74) 3613-3479
publicado em 08 de Outubro / 2019 às 06:30

Câmara de Juazeiro aprova autorizações de abertura de crédito para Executivo, inclusive, empréstimo de R$ 35 milhões junto ao Desenbahia

Quatro projetos oriundos do Executivo Municipal foram aprovados na sessão ordinária desta segunda-feira (07/10) na Câmara de Vereadores de Juazeiro.

Votados em bloco, o primeiro projeto de lei número 3526/2019 alterou dispositivos do Programa de Parcelamento Incentivado, diminuindo a burocracia para o contribuinte que quiser parcelar seus débitos tributários junto à prefeitura; o segundo projeto, número 3527/2019, autoriza abertura de crédito adicional especial para atender ao Programa de Trabalho do Fundo Municipal de Saúde, no valor de 20 mil reais. O Executivo esclarece que a Lei vai direcionar recursos já existentes para o Programa.

O terceiro projeto, número 3528/2019 é para alterar a que criou o Serviço de Transporte Público Alternativo e Complementar, tornando mais rígidas as normas e instituindo novas exigências para a lavratura de multas por parte dos agentes fiscalizadores.

O quarto projeto, número 3532/2019, autorizando o Poder Executivo Municipal a contratar operação de crédito e oferecer garantias à Agência de Fomento do Estado da Bahia – DESENBAHIA. A autorização de crédito define o valor de 35 milhões, que só poderão ser utilizados para a melhoria de infraestrutura e ou saneamento. O financiamento terá como garantia os recursos do ICMS e ou FPM. Este último, teve o voto contrário do vereador Allan Jones (PTC).

Manoel Leão Ascom CMJ
POSTAR
21 comentários
Antes de comentar qualquer matéria leia as regras de utilização do blog. Qualquer comentário que violar as regras será automaticamente excluído por nossa equipe.

É proibido inserir links (urls) dentro do comentário, caso contrário o mesmo será deletado por nossa equipe.
publicado em 08 de Outubro / 2019 às 06:56
Carlos

PARABENS VEREADORES. AGORA CABE AO MINISTERIO PUBLICO FEDERAL , JUIZES E MINISTERIO PUBLICO ESTADUAL QUEBRAR O SIGILO TELEFONICO ,BANCARIO, DE TODOS OS VEREADORES ,FAMILIARES E ASSESSSORES. A POLICIA FEDERAL TAMBEM TEM QUE INVESTIGAR. TANTAS DIVIDAS QUE TEM ESSE MUNICIPIO E O DINHEIRO DOS REPACES ESTAO FAZENDO O QUE. MP INVESTIGUE QUE NEM FIZERAM COM O CASO DA DEFESA CIVIL. JUAZEIRO FICARA AGRADECIDA.

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 06:58
Curitiba

O sigilo telefônico desse povo tem que ser quebrado.

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 07:26
Walnina

A Câmara de Juazeiro hoje só faz avalizar empréstimos aos"prefeitos" da cidade,ninguém vê ou sabe onde são aplicados esses empréstimos,pois a cidade está um caos.O juazeirense está refém a 20 vereadores que não tem compromisso com a cidade e sim com seus próprios interesses.Perguntar não ofende,pra onde está indo esse dinheiro?

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 07:27
ELES NAO

Ate parece que os vereadores votaram forcados pq com o vaqueiro e joaquim escreveu nao leu eles madam cortar a agua. Se apertar sai agua . O vaqueiro foi demitido ou veio pra chamar os vaqueirinhos e dizer se nao votar ta acabado vou chamar joaquim e mandar corta agua de vcs.

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 07:34
Verdade

Meu DEUS! Todos os 4 projetos só FALAM em DINHEIRO!

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 07:43
Verdade

Meu DEUS! Todos os 4 projetos só FALAM em DINHEIRO! E a SAÚDE EM JUAZEIRO VOÇES NÃO SE PREOCUPAM?

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 07:55
População

Um absurdo esses vereadores aprovarem isso, acorda juazeiroooo.

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 08:31
Carlao

Alguns vereadores vai se arrepender tanto de si balançaram a ca beca para o prefeito.as eleições vem ai . E por isso que o vaqueiro condenado voltou para a prefeitura, 35 milhões não mão dele já era

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 09:23
Observador!

Vixe!!! Pense numa câmara solidária?!?! A cidade "véia" se afundando em dívidas!!! Nós, enquanto moradores desta abençoada cidade, temos os vereadores que merecemos! Deus tenha piedade de nós.

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 09:24
TOCADOR

Executivo e Legislativo IRRESPONSÁVEIS. O município de Juazeiro está quebrado, FALIDO. Os "caras" sabendo que não se elegem mais, decidiram ferrar ainda mais com os cofres públicos.

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 10:00
Henrique Martins

Juazeiro não está entregue somente as muriçocas. Juazeiro está ajoelhada e humilhada... Quê Deus tenha misericórdia dessa cidade. Essa dívida Juazeiro, quem vai pagar são teus filhos vindouros, teus netos vindouros.

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 10:41
marcos antonio

esse é o resultado quando os juazeirenses vendem seus votos.

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 12:11
brasil passando a limpo

Cadê o Graeco com o ministério Público,só investigaram a cidade de Remanso,Jaguarari,Abaré,enquanto em juazeiro é tanto desvio de finalidade,onde foi parar o emprestemo que a câmara aprovou de 15 milhões mais um de 2 milhões para a compra da usina de asfalto.está na hora da Policia Federal investigar onde esta sendo aplicado esse dinheiro.chega de tanto descaso nessa cidade.Isso é sinal que vai ser derrotados.Essa câmara de vereador de Juazeiro ela é igual o saneamento dessa cidade quando ele entope é merda para todo lado.estou revoltado.

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 14:13
Capitão MOREIRA

Cansado de esperar? Seja candidato! Venha para o AVANTE! Participe do Projeto *LIMPE Juazeiro!* AVANTE com mais: Legalidade,  Impessoalidade,  Moralidade,  Publicidade,  Eficiência e eficácia. *LIMPE Juazeiro* *AVANTE 70* Capitão MOREIRA https://instagram.com/capitaomoreira?igshid=feivhskdi92o

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 14:21
Capitão MOREIRA

Cansado de esperar? Seja candidato! Venha para o AVANTE! Participe do Projeto *LIMPE Juazeiro!* AVANTE com mais: Legalidade,  Impessoalidade,  Moralidade,  Publicidade,  Eficiência e eficácia. *LIMPE Juazeiro* *AVANTE 70* Capitão MOREIRA https://instagram.com/capitaomoreira?igshid=feivhskdi92o

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 15:15
Carlos A. Santos

Se eu fosse um débil mental ou um flagelador eu votaria no garçom novamente só para ver como ele irá pagar tanto empréstimo. Os vereadores... Capachos do vaqueiro. Destruidores da cidade, dos sonhos e do orgulho em ser juazeirense. O vereador que se diz lutar pelo povo, o Allan, também votou. Nada mudará se o povo não se rebelar e não votar. São vereadores e o prefeito que não têm profissão ou que a profissão é ser "político" vão continuar enricando às custas do povo. Roubando o sonho e fazendo sentir vergonha de ser de Juazeiro.

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 15:27
Carlos A. Santos

A senhora Promotora Daniela Baqueiro V. L. Alves deveria fazer algo. Ainda acreditamos na senhora. O MP de Juazeiro deveria exercer verdadeiramente o seu papel fiscalizador e protegedor dos princípios e interesses fundamentais da sociedade juazeirense ou será que deveremos recorrer ao MPU em Petrolina? Pedimos que a senhora promotora se manifeste. Pedimos ao Blog GJ que procure a promotora para ver se ela deseja se manifestar.

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 16:17
Souza Antonio

Gente, com esse novo empréstimo de 35 milhões de reais que tem como garantia o ICMS e o FPM e R$ 150 mil reais para pagar os 21 ou os quase 21, o prefeito Paulo Bonfim já vem pegando mais de 60 milhões de reais emprestados. O pior, o Projeto dos 35 milhões votado na Câmara de Vereadores não diz quais os bairros e ruas serão aplicados esses recursos para saneamento básico e qual o prazo para pagamento da dívida.

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 18:04
QUIM

ESTÃO FERRANDO AS FUTURAS ADMINISTRAÇÕES !

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 22:27
QUIM

ESTÃO FERRANDO AS FUTURAS ADMINISTRAÇÕES !

publicado em 08 de Outubro / 2019 às 22:28
QUIM

ESTÃO FERRANDO AS FUTURAS ADMINISTRAÇÕES !

Voltar ao topo
© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2019. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.