Blog do Geraldo José - Profissionais da UPAE e HDM/IMIP de Petrolina dão dicas para curtir o carnaval sem esquecer da saúde
20 de Outubro de 2018
publicado em 09 de Fevereiro / 2018 às 06:30

Profissionais da UPAE e HDM/IMIP de Petrolina dão dicas para curtir o carnaval sem esquecer da saúde

O carnaval já está batendo na porta e muitas pessoas estão se preparando para cair na folia. A animação é tanta que alguns cuidados com a saúde são esquecidos nesse período. Por isso, a equipe de saúde da Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada e do Hospital Dom Malan (ambos geridos pelo IMIP em Petrolina) prepararam algumas dicas para os foliões curtirem a festa de forma segura.

Algumas regrinhas são básicas e devem ser seguidas por todos. Para começar, é preciso ficar bem atento à hidratação, alimentação, cuidados com a pele, uso de vestimentas adequadas e aos riscos de acidentes.

De acordo com a nutricionista, Uilla Soares, alguns dias antes de cair na folia já é bom investir na hidratação, com muita água, sucos de fruta e água de coco. Durante os dias seguintes a regra é a mesma, sendo que a alimentação deve ser leve, saudável, mas bem balanceada para garantir a energia necessária ao folião. "A hidratação deve ser feita constantemente. Momentos antes da festa é interessante investir em alimentos ricos em carboidratos complexos, encontrados nas raízes, como batata doce, macaxeira e inhame; cereais integrais, como arroz integral e pão integral; proteína, de preferência a das carnes brancas; e gorduras boas. A variedade desses grupos alimentares é importante para manter o metabolismo energético funcionando bem", garante.

Segundo a profissional é bom evitar alimentos de difícil digestão e gordurosos. Além disso, é importante observar a higiene do local escolhido para as refeições e os lanches; não encher as crianças de refrigerantes, guloseimas e alimentos ricos em açúcar; e nada de adotar dietas muito restritivas, pois pode faltar energia para curtir a festa.

Para aproveitar com segurança é preciso estar protegido do sol. Por isso, o uso do protetor solar é imprescindível para todas as idades, a começar por crianças a partir do sexto mês de vida. Chapéus, sombreiros, roupas e óculos com proteção UVA e UVB também são bons aliados. A opção deve ser sempre por vestimentas leves, claras e de algodão. Os calçados, de preferência fechados, devem proteger os pés de pisões e possíveis ferimentos.

"O ideal é que o protetor solar tenha um FPS de, no mínimo, 30; e que ele seja aplicado meia hora antes da exposição solar; com reaplicação de 1 em 1 hora", alerta o dermatologista, Elson Marques.

As crianças merecem uma atenção especial, pois estão mais suscetíveis a insolações, intoxicações alimentares e pequenos acidentes. Por isso, além dos cuidados já citados, a diretora de atenção à saúde do HDM, Tatiana Cerqueira, esclarece sobre o que deve ser feito em caso de pequenos ferimentos. "Lavar o local com água e sabão para a retirada de qualquer corpo estranho e dessa forma manter a ferida limpa. Colocar um antisséptico de sua escolha e utilizar uma cobertura para evitar que entre sujeira", informa. Já para as lesões mais extensas, profundas ou que não param de sangrar a atenção deve ser maior. "É necessário que a criança seja encaminhada a uma unidade de saúde de referência para o atendimento qualificado", acrescenta.

Sprays e espumas de carnaval também não são indicados para as crianças pelos riscos de irritações na pele, nos olhos e alergia respiratória.

No carnaval a população não deve descuidar da proteção e isso vale para as Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) e doenças transmitidas através do beijo, como herpes simples, gripe, sapinho e a famosa doença do beijo, que é provocada pelo vírus Epstein-Barr (EBV), responsável por causar a mononucleose, que têm como sintomas a febre alta, desconforto abdominal, vômitos, dor muscular e inchado dos gânglios.

Para evitar as ISTs o uso da camisinha é indispensável. Já para evitar as doenças transmitidas pela saliva é importante investir na saúde bucal, evitando a entrada e a proliferação de bactérias e vírus na boca. "Dessa forma, é importante lembrar que o beijo e o contato íntimo devem acontecer com responsabilidade", ressalta a assistente social Nazaré Cunha, que nesse período realiza palestras educativas para o público da UPAE.

SERVIÇOS: A urgência e emergência clínica da UPA 24hs estará funcionando normalmente durante a folia, recebendo casos de complexidade intermediária. Ou seja, que não podem ser resolvidos nos postos de saúde, mas que também não requerem a assistência de um hospital especializado. A urgência e emergência odontológica também mantém o seu atendimento neste feriado, das 7 às 19h.

A urgência e emergência ginegológica/obstétrica e pediátrica do Hospital Dom Malan também segue a mesma regra e funciona 24hs durante a folia. Lembrando que a unidade materno-infantil só recebe casos de referência. Já os serviços ambulatoriais da UPAE e do Dom Malan serão suspensos na sexta (02), após às 17h, e retornam na quinta-feira (15), às 7h.

Anna Monteiro-Hospital Dom Malan Imip
POSTAR
nenhum comentário
Antes de comentar qualquer matéria leia as regras de utilização do blog. Qualquer comentário que violar as regras será automaticamente excluído por nossa equipe.

É proibido inserir links (urls) dentro do comentário, caso contrário o mesmo será deletado por nossa equipe.
© Copyright Blog Geraldo José. 2009 - 2018. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.