Blog do Geraldo José - Credibilidade e imparcialidade
 

publicidade

Enquete

Carregando...

Pesquisar
Newsletter
cadastre seu e-mail e receba nossas notícias diariamente.
Esporte
24 de Novembro / 2014 às 12:30 | Nenhum Comentário

Olho D`água do Brejo da Brásida x Vila Nova de Sento-Sé vão decidir o campeonato Sento-Seense de futebol 2014. As vagas foram confirmadas no sábado (22) e no domingo (23). O Olho Dágua se classificou ao derrotar o Juventude do Pirí por 2×0, no tempo norma. O jogo foi realizado na tarde de sábado, no estádio municipal Francisco de Assis Rocha (o Assisão). O Vila Nova confirmou presença na final domingo (23), ao vencer o Nossa Juventude por 4×1, também no tempo normal. Classificados, Olho D`água x Vila Nova  vão disputar o titulo municipal em dois jogos, a serem realizados nos dias 30/11 e 06/12. O certame é mais uma realização da prefeitura municipal de Sento-Sé, com organização do Departamento de Esportes, que vai pagar um prêmio de R$ 7.000,00 (sete mil reais).

Ascom Prefeitura de Sento-Sé
Espaço do Leitor
24 de Novembro / 2014 às 12:00 | Nenhum Comentário

Via e-mail o leitor J. Castro Silva faz um alerta à CSTT (Companhia de Segurança, Trânsito e Transportes) do município em relação aos perigos no acesso à rua do Paraíso, bairro Santo Antônio. Confira:

Prezado Geraldo,

Se possível, favor encaminhar essa observação à Prefeitura. Conforme fotos anexas, o cruzamento da Rua Minas Gerais com a preferencial Rua do Paraíso está um perigo. Apesar da Rua do Paraíso ser a preferencial, devido as calhas na pista que provocam a redução de velocidade dos veículos na Rua do Paraíso, os veículos que estão na Rua Minas Gerais passam numa alta velocidade, não respeitando as placas de pare e consequentemente não dão preferência. Deveriam colocar sinalizações horizontais (PARE pintado na pista) e lombadas antes de cruzar com a Rua do Paraíso.

Atenciosamente,

J. Castro

Espaço do Leitor
24 de Novembro / 2014 às 11:30 | Nenhum Comentário
Geraldo
 
Estou reenviando uma matéria da CODEVASF que trata de promessas, promessas e mais promessas que vão se carcumindo no tempo. As coisas por ai anda a mesma coisa... Nada do que foi aqui divulgado neste blog foi executado... Os produtores/as estão a ver navios. A tarifa de água quase todos estão inadimplentes, bem como nos custeios mal feitos da ATER terceirizada do nada faz da CODEVASF enviadas ao BNB que também travou todos os custeios que viraram investimentos. Com a palavra ALAOR. Estou notificando devido à ASUPIS (Associação dos Produtores/as do Projeto) não ter mais como reenvindicar por reuniões escassas, a não ser cobrando por este blog ou então ao MP, tais descasos.
 
Atenciosamente,
 
Cleberlito Fernandes Santos - Diretor de meio ambiente - ASUPIS (projeto Salitre)
 
Reunião na Codevasf debate questões relacionadas ao perímetro Salitre
 
04 de Junho / 2014 às 11:00
 
 
Crédito para os produtores, tarifa K2, água, escrituração de lotes, iluminação pública, lixo doméstico, transporte escolar. Estes foram alguns dos itens da pauta da reunião que debateu questões referentes ao Salitre, o maior perímetro de irrigação da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) em Juazeiro, cujas atividades de produção começaram em março de 2011.
 
Participaram da reunião o superintendente regional da Codevasf, Alaôr Grangeon, o secretário municipal de agricultura, Jorge Cerqueira, o secretário municipal de serviços públicos, Carlos Eduardo, o chefe-adjunto de transferência e tecnologia da Embrapa Semiárido, Sergio Guilherme, o gerente local do Banco do Brasil, Marco Aurélio Queiroz, o gerente do Banco do Nordeste, José Gomes Costa, o diretor de relações institucionais da Associação dos Usuários do Perímetro Salitre (Asupis), Milton Bin, o presidente da Asupis, Acácio Oliveira, e produtores do perímetro.
 
Alaôr Grangeon destacou a importância do engajamento e da parceria de todos para que as demandas possam ser resolvidas. “As coisas acontecem quando nos unimos; temos que ser parceiros em todos os sentidos pra resolver problemas e arranjar soluções”, afirmou. O secretário de Agricultura, Jorge Cerqueira, falou que o órgão mantém um dialogo permanente com a Codevasf e que a prefeitura está sempre à disposição dos produtores.
José Gomes Costa, gerente do Banco do Nordeste, agência de Juazeiro, explicou que o foco do banco são os empreendedores de pequeno porte, como é o caso da maioria dos produtores do Salitre. De acordo com ele, já foram investidos cerca de R$ 20 milhões, que beneficiaram mais de 200 agricultores. “Atendemos em torno de duas centenas de empreendedores. Obviamente temos recursos, disposição e interesses de financiar muito mais”, reforçou.
Sobre a retirada do imposto na tarifa de água, o K2 fixo, que corresponde às despesas com a administração e manutenção do projeto dividida entre os lotes ocupados, o superintendente da Codevasf, Alaôr Grangeon, destacou que a cobrança deve ser congelada para facilitar a aquisição de mais crédito junto aos bancos para os agricultores. “Vai ser feito um congelamento de mais de um ano, e os próximos produtores não vão ter a cobrança do K1 e nem o K2”.
 
Comentário
Cleber
Postado em: 05 de Junho / 2014 às 01:12
Produtora de orgânicos? Lá no lote dela, se aquilo for orgânicos, deve ter o aval da ATER terceirizada? Um verdadeiro absurdo. Vão lá e confiram (FISCAIS CODEVASF, leitores do Blog). O BNB tem linha de orgânicos e a ATER do escritório, que não tem perfil de atender ao pleito, só envia ao BNB custeio e financiamentos convencionais (agroquímicos), sem se falar dos projetos de irrigação (manejo). Os pés de umbuzeiro dos lotes (95%) foram todos arrancados/dizimados. O Sr. Alaor foi bem categórico, qdo. falou da união de todos, como conhecedor da matéria e da politica interna da CODEVASF(MI), como funcionário. Ficaremos de olho. Maniçoba que o diga. A associação como um todo deveria focar nisso. Falta plano de produção e de comercialiazação dos produtos.
Policial
24 de Novembro / 2014 às 11:02 | Nenhum Comentário

No último sábado (22), aproximadamente às 12:10h,  uma das viaturas policiais que atuam no bairro João de Deus recebeu uma ligação telefônica de uma mulher de 31 anos de idade, residente a Rua 59, daquele mesmo bairro, informando que seu ex-companheiro, Luciano da Conceição, 30 anos, estaria na porta de sua residência ameaçando-a verbalmente de morte e armado. Diante da situação, a viatura policial foi até o local e na sua chegada, o suposto agressor já havia fugido. Após tomar conhecimento de detalhes do fato, os policiais militares iniciaram incursões nas imediações culminando na localização do acusado na Rua 37 do João de Deus.

Ao avistar a viatura policial, o imputado que estava acompanhado de outro indivíduo em uma motocicleta, desfez-se de um revolver cal. .38 arremessando-o no interior da residência e empreendeu fuga antes que a viatura se aproximasse. A arma arremessada, ao cair no chão, disparou próximo a uma criança que se encontrava no local. A criança não foi atingida. A arma com 04 (quatro) cartuchos intactos e 01 (um) deflagrado, o imputado e a denunciante foram conduzidos e entregues na Delegacia de Plantão para as providências previstas em lei.

Assessoria de Imprensa do 5º BPM - Petrolina-PE
Espaço do Leitor
24 de Novembro / 2014 às 10:29 | Nenhum Comentário

No dia 15 próximo passado li um artigo em seu blog que dizia assim: “O secretário de meio ambiente e Ordem Pública (SEMAOP), Agenor Souza, e o diretor-presidente da Companhia de Segurança, Trânsito e Transportes (CSTT), Fábio Assis, participaram nesta sexta-feira (14) de um debate promovido pela Rádio Juazeiro que abordou a lei do silêncio e a atuação dos órgãos no município e região. Na oportunidade, estando presentes representantes também da guarda municipal, do legislativo, do polícia militar e polícia civil, foi firmado um compromisso pelo secretário Agenor Souza, para que se defina através de planejamento ações que possam banir de maneira incisiva o uso irregular do som, seja por paredões, carros de passeio, eventos ou residências numa atuação conjunta. “É necessário a integração dos órgãos para que a atuação tenha um bom resultado, dando assim, um respaldo a população diante das denúncias”, disse o secretário. Essa integração funcionará com o apoio dos agentes de trânsito da CSTT, que faz parte também da fiscalização realizada continuadamente, como colocado pelo diretor Fábio Assis, onde juntamente com a guarda atuarão como suporte ao setor de postura da SEMAOP. “Nosso papel é dar todo o suporte que é de grande importância no desenvolvimento do trabalho da postura”, disse o diretor-presidente da CSTT. O secretário Agenor Souza, reconhecendo que a problemática do uso do som indevido é um caso de saúde pública, frisou a importância de um sistema de proteção, que dê segurança ao trabalho dos fiscais de postura, onde muitas vezes são ameaçados no ato da aferição do som e notificação. Para ele, a presença também de policiais, por exemplo, assegura o desenvolver da abordagem e impõe maior respeito. Além disso, Agenor lembrou que a secretaria tem o papel de fiscalizador que normatiza e regulamenta esses eventos e/ou carros de som. “Portanto, é preciso agentes e policiais presentes para realizar o serviço de apreensão e aplicação de multa, se for o caso, completando assim, a resolução do episódio”, encerrou o secretário.”

Só que se passaram 08 (oito) dias e NADA mais. É NADA MESMO foi feito conforme o que foi decidido nesse debate promovido pela Rádio Juazeiro. Falo isso Geraldo José pois círculo por várias ruas e avenidas de nossa cidade e vejo ou melhor ouço que infelizmente nada vai mudar. Na minha rua onde moro no Bairro Pedra do Lorde a minha vizinha e filhos continuam com som alto (as vezes do carro, outra vezes do som da sua casa em alto e bom volume), no Bar do Geraldo também na Pedra do Lorde todo final de

Semana (sábado-domingo) param carros e abrem o porta mala e ligam o sonzão.

No Maringá, Santo Antônio e no Centro onde as vezes vou em visita a amigos é a mesma coisa. Fica aqui uma pergunta para quem participou desse debate: SE NÃO VÃO PUNIR PARA TENTAR MUDAR ESSE COTIDIANO HORRÍVEL QUE TEMOS DE OUVIR PORQUE FIZERAM ESSE DEBATE? FOI SÓ PARA ENGALOBAR A POPULAÇÃO? OU A LEI NÃO PODE SER CUMPRIDA POIS A TURMA DO SOM É TEMÍVEL?

Respondam se forem capazes ou se calem para sempre.

Rogério Espíndula

Variadas
24 de Novembro / 2014 às 10:00 | Nenhum Comentário

No dia 30 de novembro, das 10 às 18 horas, organizado pelo grupo de jovens JCJ (Jovens Caminhando com Jesus) acontecerá o IIIº Festival Cultural Jovem da comunidade católica São José Operário, no bairro Tabuleiro, da Paróquia Santo Afonso. No dia haverá um momento de lazer para toda família com bandas ao vivo, apresentações culturais, brindes, sorteios e a venda de uma feijoada no valor de R$5,00 para ajudar a Comunidade. “Queremos convidar a todos para estarem presentes conosco nesse momento de Fé e Amor!” diz Enedina Kelly em e-mail ao Blog.

Espaço do Leitor
24 de Novembro / 2014 às 09:29 | 1 Comentário

Na semana passada foi entregue um abaixo-assinado na Promotoria de Justiça de Sento-Sé, contendo mais de 150 assinaturas de garimpeiros e garimpeiras do garimpo de Mina das Cabeludas e adjacências no município de Sento-Sé, com pedido de providencias contra ação de um garimpeiro que está negociando a venda da área do garimpo para uma empresa da região de Barreiras na Bahia, que inclusive já começou a fazer escavações pra sondagens em vários pontos ao redor do povoado e do garimpo.

Temendo que aconteça o mesmo que aconteceu no início da década de 70, onde um garimpeiro vendeu o garimpo para uma empresa de Campo Formoso que em seguida com a ajuda da repressão militar conseguiu tomar o garimpo dos garimpeiros, onde alguns foram presos e perseguidos por muito tempo por conta da resistência que fizeram para não deixar que fossem expulsos do garimpo, não tendo outra alternativa a não ser ir embora dali para não ver seus filhos morrerem de fome, já que tiravam o sustento da família dos produtos do garimpo.

Agora resolveram pedir providencias ao ministério público para não serem despejados daquela comunidade novamente.

Esperamos que não se repita o que aconteceu em 1970.

Os garimpeiros estão em pânico com esta notícia e esperam providencias.

Atenciosamente,

Jackson Coelho de Souza

Política
24 de Novembro / 2014 às 09:00 | 2 Comentários

Com a chegada das primeiras chuvas, só se agrava a situação das estradas vicinais de Sobradinho. Este é um velho problema que afeta as comunidades rurais do município e que o poder executivo não tem dado a devida atenção, o que resulta em transtornos diversos para a área rural do município.

Tendo a dedicação às comunidades rurais como uma das prioridades de seu mandato, o vereador Adilson Ribeiro (PT) tem agido no sentido de garantir este direito ao povo do campo, mas suas reivindicações não têm sido atendidas. O primeiro pedido de providência do mandato, no início de 2013, foi para recuperar todas as estradas do interior, o que até então não foi encaminhado pelo Executivo municipal. Logo em seguida, no mês de abril, o parlamentar apresentou Projeto de Lei (PL) que dispõe sobre a criação e instituição do Programa Municipal de Recuperação e manutenção de estradas municipais, em abril deste ano a Câmara apresentou parecer contrário ao projeto.

O PL surgiu da preocupação em fortalecer a economia do município, garantindo qualidade no escoamento da produção, bem como facilitando o acesso de transporte escolar e de pessoas e a oferta de serviços diversos às comunidades. A falta de compromisso da atual gestão interfere diretamente no bem estar da população da área rural. “Canaã tá com 12 anos, entrando pros 13, que passou uma máquina, Santa Maria tá com 13. Os carros da escola roda, é uma briga, é uma luta porque os motoristas não quer botar seus carros, não bota carro novo, os alunos tem que andar em carro velho”, diz S. Heleno Bezerra, externando sua indignação com o descaso que sofrem.

Recentemente, o município de Sobradinho recebeu máquinas do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) com o objetivo de recuperar estradas e construir aguadas, no entanto, a realidade não corresponde a este propósito do governo federal, lamenta Adilson Ribeiro. “A gente ver caçambas do PAC coletando lixo na cidade em vez de garantir os serviços para as comunidades rurais”, denuncia o vereador.

AsCom Adilson Ribeiro
Policial
24 de Novembro / 2014 às 08:30 | Nenhum Comentário

Na última sexta-feira, dia 22, policiais militares do 5º BPM ao realizarem rondas no bairro São Joaquim, zona leste de Petrolina, foram informados por populares que na Rua 17, número 591, o proprietário da residência, Carlos Alberto da Silva, vulgo "Toinho", com 38 anos de idade, supostamente estaria realizando a prática de tráfico de entorpecentes. Diante das informações recebidas, os policiais militares se deslocaram até o local e lá encontraram o Sr. António Carlos da Silva, com 31 anos de idade, irmão do suspeito que fora denunciado. Ao efetuarem abordagem no local, onde funciona um bar, encontraram enterrado no quintal aproximadamente 01 (um) kg de maconha pronta para o consumo. Como o suposto proprietário da droga não foi localizado, a droga foi entregue na Delegacia de Polícia Civil que realizará investigação pertinente para a posterior responsabilização criminal pertinente.

Assessoria de Imprensa do 5º BPM - Petrolina-PE
Espaço do Leitor
24 de Novembro / 2014 às 08:00 | Nenhum Comentário

Em e-mail ao Blog o leitor Marconi Silva de Carvalho denuncia uma situação que coloca em risco a saúde da população do bairro Santo Antônio. Confira: “Esta denúncia é sobre um terreno baldio que está cercado, porém serve de depósito para uma série de materiais que coloca sob risco de doenças graves os moradores do bairro Santo Antônio. O terreno está localizado à rua Santa Luzia nas proximidades da Lan House de Negão do Edson. Pedimos a Secretaria de Saúde que compareça até o local e tome as devidas providências”, concluiu.

Política
24 de Novembro / 2014 às 07:35 | 1 Comentário

A Prefeitura de Petrolina, através da Secretaria de Habitação,  anunciou, sábado, 22, o dia 17 de dezembro como a data oficial  para divulgação do calendário de entrega das chaves das quase cinco mil casas populares do programa “Minha Casa, Minha Vida”.

O Prefeito Julio Lossio, em entendimento com a presidência da Republica, resolveu entregar, além dos residenciais Nova Petrolina com 1.200 unidades, Residencial Brasil com 900 e o Monsenhor Bernardino com 1.444, o Vivendas Petrolina I com 1.432 unidades. Esses formam os conjuntos habitacionais, onde quase cinco mil famílias serão beneficiadas com a casa própria. O prefeito entende que o maior presente para uma família é passar o natal em casa, “estou muito feliz em poder ajudar essas famílias  realizar esse sonho, passar a noite de natal na sua casa própria”,  comentou o chefe do executivo.

A informação sobre as novas moradias que deverão ser entregues nos próximos meses, foi dada pelo Secretario Extraordinário de Habitação, Edinaldo Lima. “Trabalhamos arduamente para que esse momento acontecesse. Visto que sabemos da necessidade que essas famílias têm  de sair do aluguel, ou até mesmo morar em um lugar seguro”, exclamou o secretario. Serão respeitados os critérios legais dos processos seletivos de preenchimento de todas as etapas que compõem o programa. O Governo federal esta programado para entregar vinte mil casas em todo país e só Petrolina detém um quarto desse total.

Ascom/Prefeitura Municipal de Petrolina
Variadas
24 de Novembro / 2014 às 07:30 | Nenhum Comentário

A preocupação com as questões ambientais, em especial com a perspectiva de mudanças no clima em um futuro próximo, tem sido razão de intensos debates nos mais diversos âmbitos da sociedade. Na agricultura não é diferente, e por esse motivo as instituições de pesquisa, ensino e extensão estão buscando alternativas para minimizar os impactos da atividade humana, propondo tecnologias que tornem os sistemas agrícolas mais sustentáveis. Resultados de pesquisas desenvolvidas no Semiárido brasileiro serão apresentados, nos dias 26 e 27 de novembro, em um workshop realizado no Sebrae, em Petrolina, PE. O tema central do evento gira em torno da agricultura de baixa emissão de carbono (ABC), e tem como objetivo discutir com os produtores da região como o uso de tecnologias aplicadas com essa finalidade altera a dinâmica das culturas, especialmente da mangueira e do meloeiro.

De acordo com a coordenadora do evento, a pesquisadora da Embrapa Semiárido Vanderlise Giongo, as tecnologias de ABC visam aumentar a fixação de carbono e nitrogênio no solo e reduzir as emissões de gases do efeito estufa. “Elas tornam o sistema mais econômico, diminuindo a utilização de insumos, reduzindo a evaporação de água no solo – o que pode aumentar a eficiência do uso da água – e minimizando os danos ambientais, inclusive os processos associados à degradação do solo, como a salinização e redução dos teores de matéria orgânica”, ressalta. O evento traz também informações sobre as “pegadas” hídrica e de carbono, ou seja, a quantidade de uso de água e de emissão de carbono envolvida em todo o processo da produção agrícola, desde o cultivo até a chegada dos produtos ao seu destino final. Entre as tecnologias que serão apresentadas estão práticas de mínimo revolvimento do solo, o desenho de sistemas integrados e a semeadura de adubos verdes, na forma de coquetéis vegetais. Estes consistem em uma mistura de plantas como gramíneas, oleaginosas e leguminosas, com a finalidade de adicionar carbono e nitrogênio ao sistema e ciclar nutrientes. 

Para facilitar a adoção das tecnologias por parte dos produtores, o workshop conta com a participação de gerentes dos Bancos do Brasil e do Nordeste, que apresentarão as linhas de crédito do Programa de Agricultura de Baixo Carbono. Já um representante do Instituto CNA trará orientações para a elaboração de projetos de financiamento voltados para o Programa. O evento é voltado para produtores das áreas irrigadas da região e demais interessados. A programação conta com palestras e mesas redondas no primeiro dia (26). Já no segundo dia (27) acontece um dia de campo, em que as tecnologias serão demonstradas na prática, na Estação Experimental de Bebedouro, da Embrapa Semiárido. As inscrições podem ser realizadas no Escritório de Apoio da Embrapa Semiárido, no Centro de Convenções, em Petrolina, PE, no horário das 7h30 às 12h e das 13h30 às 17h. O valor da inscrição é de R$ 50,00 e as vagas são limitadas a 150 participantes.

O II Workshop Agricultura de Baixa Emissão de Carbono – Desafios e Perspectivas para o Semiárido é realizado pelos centros de pesquisa da Embrapa Semiárido (Petrolina, PE) e Agroindústria Tropical (Fortaleza, CE), com o apoio da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA), Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf), Banco do Nordeste, Banco do Brasil, Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) e Associação Brasileira de Horticultura. 

Serviço

O que:  II Workshop Agricultura de Baixa Emissão de Carbono – Desafios e Perspectivas para o Semiárido

Onde: Sebrae, Petrolina, PE

Inscrições:  Escritório de Apoio da Embrapa Semiárido, Centro de Convenções de Petrolina, PE

Valor das inscrições: R$ 50,00

Informações: (87) 3861-4442 / 3861-4947

Núcleo de Comunicação Organizacional Embrapa Semiárido
Espaço do Leitor
24 de Novembro / 2014 às 07:00 | 5 Comentários

Caro amigo Geraldo,

Sabemos que devemos parabenizar ao prefeito por todas as obras conseguidas para o nosso município, porém tem coisa que chega à ser um desastre, vejamos, a Avenida Manoel Borges, bairro Parque Residencial, nós que moramos até que acreditamos quando o nosso vereador Caffé do Oito foi para a imprensa e falou que as obras retornariam em quinze dias. Isso já faz mais de dois meses, e torcendo para que esse problema possa ser resolvido o mais breve possível para que o nosso vereador também possa comemorar junto com a população. Nosso bairro está intransitável.

José Batista da Silva – Batista do Oito

Variadas
24 de Novembro / 2014 às 06:31 | 1 Comentário

Em um novo dia nos sertões do São Francisco, a paisagem seca vai ganhando cores e as aves começam a cruzar o céu ao amanhecer. Duas, três, dezenas de aves coloridas voam em bandos. Barulhentas e famintas, partem em busca de comida. A arara-azul-de-Lear ainda está ameaçada de extinção, mas no meio da Caatinga tem abrigo e proteção. Elas estão se reproduzindo em liberdade. Caboclo, homem da terra, há 35 anos é um guardião dessas aves. Quando ele começou o trabalho de preservação, só com muita sorte se conseguia ver uma arara na região. “Tinha pouco mais de 40 bichos, indivíduo, hoje, nós temos um censo recente que ficou em torno de 1,3 mil bichos”, conta Eurivaldo Macedo Alves, guarda-parque.

A toca velha, no município de Canudos, na Bahia, é um dos lugares onde as araras passam a noite. Elas dormem em buracos no meio dos paredões. Quando amanhece, é hora de debandada. Elas invadem as roças dos pequenos agricultores. “Não adianta você ter uma população grande de indivíduo se você não tem alimento, você vai gerar um desequilíbrio e possivelmente esse desequilíbrio vai atingir a população inteira, que é a fome”, diz Eurivaldo. Dona Aurenice de Miranda e o marido vivem em uma casa típica do Sertão do Nordeste, em uma área onde não chegou ainda a energia elétrica. O fogão a lenha na porta da casa, a galinha chocando em um canto, as paredes de barro e ao redor da casa, a plantação de milho e de palma. E uma concorrência grande com as araras, que comem o milho, e as onças, que comem a criação de bodes e ovelhas.

As araras ficam esperando e, quando sentem que não há perigo, partem para o ataque. E saem carregando as espigas. O marido da lavradora Aurenice de Miranda usa um saco plástico como arma para afastar as araras. “Com um saco, elas têm medo do saco, né? Elas voam, vêm de novo, a gente vai de novo. São muitas araras. Muitas, muitas mesmo”, conta o lavrador João Nascimento. Boa parte dos pés de milho está no chão. É uma terra arrasada.

Globo Repórter: Mesmo assim não matou as araras?
João Nascimento: Não. Deus me livre. É crime. Não pode.

As araras só estão atacando as plantações porque o alimento preferido delas está ficando raro na Caatinga: “O licuri, o alimento preponderante e insubstituível da arara azul. A arara parte com o bico e come a polpa de dentro, porque ao mesmo tempo está recebendo a polpa e um pouco de água”, explica o fazendeiro Otávio Farias. “O ideal seria o plantio do licuri. O que a gente acha que é o básico é o licuri, porque se a gente tiver o licuri aqui próximo, esse bicho não precisa se deslocar tanto para buscar alimento, vão comer por aqui”, diz Eurivaldo Macedo Alves, guarda-parque.

Enquanto não há os coquinhos para todas, o jeito é improvisar. O fazendeiro amarra espigas de milho nas árvores. E todos os dias oferece uma refeição completa para as araras-azuis-de-Lear. “Eu não posso dizer que com isso eu estou defendendo 100% as araras azuis, mas pelo menos eu estou mantendo um grupo grande para que elas não vão atacar os milharais e que não sofram as consequências desses ataques”, diz o fazendeiro Otávio Farias.

Do Globo Repórter enviado pelo leitor Carlos Maurício Dias
Política
24 de Novembro / 2014 às 06:00 | 1 Comentário

Pelo menos 60 famílias de trabalhadores rurais sem terra estão acampadas nas áreas das fazendas Santa Rosa e Pauapiquinho, ambas no distrito de Américo Alves, próximo ao povoado de Quixaba, a 5 km da BA-210, no interior do município de Sento-Sé. A ocupação foi pacifica e, segundo o movimento, as famílias vão permanecer no local até que o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) inicie e conclua a desapropriação das áreas para ser implantado o assentamento Angical. Os trabalhadores alegam que as propriedades estão abandonadas e improdutivas há muitos anos, por isso, querem que as mesmas sejam usadas para fins de reforma agrária. De acordo com uma certidão de interior teor, extraída do cartório de imóveis da cidade, as áreas estão hipotecadas, junto a instituições financeiras federais. Os agricultores já iniciaram o desmatamento dos roçados e a construção dos barracos. Já é possível encontrar plantações de milho, feijão, mamona e fruteiras permanentes. O agricultor Evaldo Marque, 57 anos, afirmou que agora é possível trabalhar com dignidade para tirar da terra o sustento de sua família. Reunidos em assembleia na manhã deste domingo (23), os trabalhadores decidiram melhorar a infraestrutura do local, com a abertura de estradas de acesso. Está prevista para esta semana, a visita de um representante do grupo na Superintendência do INCRA em Salvador – Bahia, para dar conhecimento da ocupação da área, e solicitar a visita de um técnico ao local.

Ascom Prefeitura de Sento-Sé
Espaço do Leitor
23 de Novembro / 2014 às 23:00 | 7 Comentários

Existem muitos adágios populares correntes, que bem ilustram o fato de que determinadas amizades podem se tornar perigosas e arriscadas para a normalidade de uma boa relação, como os a seguir reproduzidos e que são bem conhecidos: “quem tem amigos desse tipo, não precisa de inimigos!” e ainda “quem com porcos se mistura, farelos come...”. Será que a Presidente Dilma Rousseff está sendo vítima dessas pragas?

Não se tem conhecimento na história passada ou recente dos escândalos financeiros deste país, de tanta técnica e profissionalismo utilizados na construção dos canais de irrigação do dinheiro público ou das estatais para o bolso dos envolvidos ou Partidos Políticos e suas campanhas eleitorais (principalmente do PT, PP e PMDB - os demais partidos ainda não estão imunes!), como o canal da PETROBRÁS, ou o chamado PETROLÃO. Diante de tantos partidários coparticipantes dos atos corruptos, integrantes de cargos importantes da República ou pessoas nomeadas para cargos relevantes das Diretorias de estatais do nível da PETROBRÁS, mancomunados com empresários das mais importantes empresas nacionais, “custoso” é – como diria o homem simples do campo – acreditar que as atividades criminosas investigadas pela Polícia Federal não fossem do conhecimento prévio da Presidência da República, tanto a atual como as anteriores, desde os tempos de Fernando Henrique Cardoso.

Após ter vencido um pleito presidencial bastante aguerrido, no qual, diga-se de passagem, esteve muito só e com reduzida participação do seu criador e mentor político, a Presidente Dilma quase não teve tempo de comemorar a vitória. A Operação Lava Jato, da Polícia Federal, vem desvendando o lado sombrio do submundo do crime de “colarinho branco” no assalto à Petrobrás, visto que as acusações dos que já estão presos atingem diretamente a sua base partidária e assim será grande a sua dificuldade em fazer a própria composição do novo governo.

Como a Operação Lava Jato, na sua 7ª. Etapa, denominada de “JUÍZO FINAL”, se estendeu apenas aos empresários denunciados e o próximo braço deverá alcançar os políticos envolvidos, parecem extremamente suspeitos o silêncio, a omissão e a falta de solidariedade da classe política que apoia a Presidente Dilma, até mesmo das principais lideranças políticas, que nem defendem nem atacam, transparecendo uma cautela recomendada por outro ditado: "Quem tem telhado de vidro, não joga pedra no do vizinho!". Alguns tentam desqualificar o trabalho da Polícia Federal, que está cumprindo a determinação da própria Presidente, conforme ela tem repetido com grande frequência, desde a campanha. Quanto aos partidos de oposição, melhor terem prudência no seu eventual entusiasmo, porque, segundo outro ditado português: “É tudo farinha do mesmo saco”, salvo algumas raras exceções!

As imagens que têm sido apresentadas ao público nos noticiários dos últimos dias, deprimem e envergonham a qualquer brasileiro. Alguns empresários presos são Presidentes ou Diretores das nossas principais empresas da construção civil, responsáveis por obras nacionais e internacionais de grande porte, que enobreciam e honravam o sentimento da nacionalidade brasileira (QUEIROZ GALVÃO, MENDES JUNIOR, OAS, ENGEVIX, IESA, GALVÃO ENGENHARIA, CAMARGO CORRÊA, UTC e ODEBRECHT). Um dos envolvidos de menor expressão, o Pedro Barusco, Gerente-Executivo da Petrobrás, considerado arraia miúda como se diz normalmente, apressou-se em aderir à “delação premiada” para ter a pena reduzida, e se prontificou, espontaneamente, a devolver a bagatela de R$ 252 milhões que estão depositados na Suíça! Imaginem, então, os dinossauros do poder econômico e político, quanto não desviaram? O leitor já parou para avaliar o mal que essa corja vai causar à nação? Empresa petrolífera de conceito e respeitada no primeiro mundo, antes classificada em 4º. lugar entre as maiores e hoje ocupando o 120º. lugar, além do impacto desmoralizante sobre as nossas maiores empresas da construção civil, algumas também com presença marcante em outros países!   

A verdade é que a nação está diante de um cenário de imoralidade tão avançado que deixa o cidadão brasileiro, momentaneamente, sem esperança de uma breve solução do problema ou assustado quanto ao que ainda possa vir a acontecer no futuro. Em depoimento desta semana, o Paulo Roberto Costa declarou que o CLUBE DA PROPINA – como era chamado entre eles - não atua somente na Petrobrás, mas em todas as grandes obras de barragens, rodovias, ferrovias, portos, hidrelétricas, etc., o que todo o Brasil já imaginava.

Embora considere fragilizado o poder de liderança da Presidente Dilma, que, talvez, impeça-a de superar as pressões dos supostos amigos do PT (ou inimigos?) que a cercam e os que no Congresso Nacional pretensamente a apoiam, ainda assim, quero crer nas suas palavras proferidas em coletiva na Austrália, quando nos passou a esperança de que a investigação oficial do escândalo da Petrobrás mudará os rumos do Brasil: "Eu acho que isso mudará para sempre as relações entre a sociedade brasileira, o Estado brasileiro e as empresas privadas. [...] Em que sentido? No sentido de que vai acabar com a impunidade”. Oxalá acabe, Excelência!

Admitindo-se como honestas as intenções da Presidente, e que a Polícia Federal, o Ministério Público e o Judiciário terão a autonomia de investigar e punir os culpados, é de se acreditar que essa etapa denominada “JUÍZO FINAL” da Operação Lava Jato, realmente levará esses calhordas ao verdadeiro JUÍZO FINAL de que trata a Bíblia.

Autor:   Adm.  Agenor Santos,  Pós-Graduação Lato Sensu em Controle, Monitoramento e Avaliação no Setor Público –  de Salvador-BA.

Variadas
23 de Novembro / 2014 às 22:00 | Nenhum Comentário

Depois de acumular sete vezes seguidas, a Mega-Sena deste sábado (22) saiu para duas apostas, pagando o maior prêmio da história em concursos regulares - ou seja, excetuando a Mega da Virada. O  concurso 1.655 teve prêmio de R$ 135 milhões, que será dividido entre as duas apostas vencedroas. A Mega da Virada deste ano prevê pagar R$ 240 milhões.

Cada uma das apostas levará R$ 67.657.559,48. Segundo o site da Caixa Econômica Federal, os dois ganhadores são do Rio de Janeiro e de Cianorte (PR). O sorteio já aconteceu na cidade de Macatuba (SP). Veja os números sorteados: 07 - 24 - 28 - 46 - 53 - 56.

Todo o valor do prêmio investido na poupança renderia mensalmente R$ 822 mil.

Política
23 de Novembro / 2014 às 21:00 | 2 Comentários

O Vereador Damião Medrado tinha razões de sobra para estar feliz na festa de entrega do título de cidadão a Carlos Neiva. Proposta sua, o homenageado conseguiu colocar no Centro de Cultura João Gilberto uma diversidade de políticos, empresários, lideranças de todas as facções políticas de Juazeiro e da região e fez uma festa sem defeitos. Ponto para Damião Medrado, que atendendo à sugestão do Professor Eurico Serafim, fez a proposta, aprovada por todos os vereadores. A escolha da data e do local coube ao homenageado e coincidiu com a véspera do aniversário da esposa de Damião, Josileide Rosa Medrado, que esbanjou simpatia na festa. Parabéns Josileide!

Ascom Vereador Damião Medrado
Política
23 de Novembro / 2014 às 20:00 | 4 Comentários

A presidente Dilma Rousseff, então ministra da Casa Civil, teria recebido um email do ex-diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, no qual a alertava sobre irregularidades em obras da estatal, segundo reportagem da revista Veja deste fim de semana. Na mensagem, Costa teria informado à Dilma que o Tribunal de Contas da União (TCU) havia recomendado ao Congresso a paralisação imediata de três obras da companhia: a da refinaria de Abreu e Lima, em Pernambuco, e a de Getúlio Vargas, no Paraná; além do terminal do Porto da Barra do Riacho, no Espírito Santo. O email foi enviado no dia 29 de setembro de 2009 e foi encontrado em um dos computadores do Palácio do Planalto pela Polícia Federal, diz Veja. A Secretaria de Imprensa da Presidência da República emitiu nota neste sábado (22) em que afirma que a revista elabora “mais um episódio de manipulação jornalística que marca a publicação nos últimos anos” e nega que tenha tomado conhecimento de irregularidades por meio de Costa. “Em 2009, a Casa Civil era responsável pela coordenação do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Assim, relatórios e acórdãos do TCU relativos às obras deste programa eram sistematicamente enviados pelo próprio tribunal para conhecimento da Casa Civil”, diz o comunicado,que informa ainda que apesar de dizer que teria “provas factuais” do envio do email, não enviou cópia da mensagem. Sobre as recomendações do TCU, a Presidência afirma que o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva havia decidido dar continuidade às obras, por acreditar que as pendências apontadas pelo órgão eram “regularizáveis”. A nota também menciona que a paralisação das atividades também foi vetada pelo governador de Pernambuco na época, Eduardo Campos, que morreu em agosto deste ano em um acidente aéreo.

BN
Variadas
23 de Novembro / 2014 às 19:00 | 1 Comentário

Através de e-mail ao Blog o Sinserp (Sindicato dos Servidores da Prefeitura de Juazeiro) convida todas as entidades representativas de classe dos servidores da administração municipal SINTASE, APLB, AGMJ, ASSOGESTRAN, SINDAE e IPJ, a participarem de importante reunião, que acontecerá nesta segunda-feira, dia 24, às 15:00 hora, no auditório da APLB - Sindicato, para tratar da seguinte Pauta:  IPJ, CAMPANHA SALARIAL 2015, PCCV e o que ocorrer.

Esporte
23 de Novembro / 2014 às 18:09 | 1 Comentário

A contagem regressiva chegou ao fim. A torcida do Cruzeiro, que viu o clube liderar o Brasileirão desde o início do campeonato, finalmente soltou o grito de campeão, neste domingo, no Mineirão. Assim como em toda a competição, o time de Marcelo Oliveira passou por cima das adversidades em um duelo muito disputado e foi superior ao Goiás na vitória por 2 a 1. Debaixo de muita chuva e com doses de tensão e emoção, o triunfo do tetra foi construído pelos pés das estrelas do time. Ricardo Goulart e Everton Ribeiro marcaram os gols estrelados e levaram à loucura a torcida azul, que superlotou as arquibancadas do Gigante da Pampulha. Samuel anotou o tento dos visitantes.

A tempestade que assolou a Pampulha durante toda a tarde deu ares que poderia atrapalhar a festa cruzeirense. O gramado do Mineirão ficou completamente alagado, prejudicando o futebol de toque de bola do time de Marcelo Oliveira. Mas, se dentro de campo a chuva atrapalhou o espetáculo, fora dele ela parecia ser um combustível a mais para a torcida. Em êxtase desde o início da tarde, os cruzeirenses cantaram e fizeram o Mineirão literalmente balançar durante vários momentos do jogo. No embalo da torcida, o Cruzeiro começou a partida tentando pressionar. Como a bola não rolava no gramado, o jeito era tentar pelo alto, e foram assim as principais chances da Raposa no início do duelo.

Até os sete minutos, o time estrelado já tinha chegado com perigo ao ataque em pelo menos três oportunidades. A mais perigosa delas com Ricardo Goulart, que cabeceou na rede pelo lado de fora. Aos 12 minutos, porém, a bola estufou as redes pelo lado certo. Everton Ribeiro fez grande jogada pela esquerda, driblou seu marcador e tocou para Mayke. O lateral-direito cruzou na cabeça de Goulart, que marcou seu 15º gol no Campeonato Brasileiro. A alegria cruzeirense durou pouco. Dez minutos depois, o Goiás chegou ao empate em jogada de bola parada. David cobrou falta pelo alto, a bola passou nas costas da zaga e encontrou o atacante Samuel livre para dominar e empatar.

No fim do primeiro tempo, outro grito de gol em falso da torcida celeste. Everton Ribeiro cobrou escanteio e Leo cabeceou no ângulo. A bola foi na rede pelo lado de fora e caiu rente ao gol, dando a impressão que tinha entrado. Na etapa final, o Cruzeiro voltou disposto a definir sua situação no Brasileirão. O time pressionou o Goiás desde o primeiro minuto e acabou mais exposto, levando contra-ataques perigosos. A pressão celeste deu resultado aos 17 minutos. Willian fez jogada individual pela esquerda e cruzou na cabeça de Everton Ribeiro, que colocou o clube celeste na frente novamente. O estádio voltou a balançar.

Depois do gol, o Goiás pressionou e assustou em vários lances, deixando a torcida apreensiva, até os 48 minutos, quando o árbitro Paulo Henrique Godoy Bezerra soprou o apito que colocou fim à angústia celeste e fez o Mineirão explodir pelo tetracampeonato. A festa pelo tetracampeonato fez o Mineirão explodir e foi contagiante, mas a temporada celeste ainda não terminou. Agora, o Cruzeiro volta suas as atenções para a Copa do Brasil, embalado pelo título brasileiro. Na quarta-feira, às 22h, a equipe tem outro duelo decisivo, desta vez contra o Atlético, no Mineirão. Para conquistar a Tríplice Coroa pela segunda vez, o Cruzeiro precisa derrotar o Galo por três gols de diferença.

Superesportes
Esporte
23 de Novembro / 2014 às 18:00 | 1 Comentário

Daniel Alves pode não ser incluído na próxima temporada do Barcelona. Segundo o jornal Mundo Deportivo, a diretoria do clube fez uma reunião nesta semana e decidiu não renovar o contrato do lateral. Assim, o baiano deve encerrar os jogos pelo Barcelona no meio do próximo ano, quando acaba seu atual contrato. O desempenho de Daniel Alves não estaria agradando os cartolas e sua vaga como titular poderia estar tirando a chance de outros jogadores da posição se destacarem. Segundo o presidente do time, Josep Maria Bartomeu, o reserva Montoya deve virar titular e será dado mais espaço a Douglas, que seria "um jogador ótimo para o estilo ofensivo que o técnico Luis Enrique deseja para seus laterais".

Antes disso, desde o término da temporada passada, Daniel já era dúvida para o futuro e, após os rumores de que não renovariam seu contrato, o jogador afirmou que deve rumar para o futebol inglês no próximo ano.

Recentemente, Montoya pediu para ser negociado, pois estava descontente com a reserva. Enquanto Douglas atuou por apenas 73 minutos, desde que foi contratado, e ainda não agradou.

Correio
Variadas
23 de Novembro / 2014 às 17:00 | Nenhum Comentário

Aconteceu na manhã deste sábado, dia 22/11, no parque de vaquejada de  Remanso, a entrega de rebanho de ovinos e caprinos para várias  comunidades da zona rural do município. Na primeira etapa, as comunidades foram beneficiadas com 1000 matrizes  de ovinos. Desta vez foram entregues 35 reprodutores ovinos PO (puro  de origem) da raça Santa Inês e 500 matrizes de caprinos.

As comunidades beneficiadas com reprodutores ovinos foram as  seguintes: Lagoa Grande, Pimenteira, Lagoa dos Camelos, Jatobazinho,  Ponta da Serra II, Fazenda Santo Antônio e Lagoa D’Água, sendo que  cada comunidade recebeu 5 reprodutores. Já as comunidades que foram beneficiadas com matrizes de caprinos  foram as seguintes: Salinas Grandes, Roça Nova, Cacimba Nova, Induema  e Caititu, sendo que cada uma recebeu 100 matrizes.

Segundo o Secretário de Agricultura, Alair Rodrigues, na terceira  etapa serão entregues 25 reprodutores de caprinos, uma máquina  forrageira e 500 mudas de palmas para cada comunidade. Além do secretário de Agricultura Alair Rodrigues, estiveram presentes  na entrega o vereador João Neto, vários agricultores familiares e  representantes das comunidades beneficiadas.

A iniciativa faz parte do Programa Vida Melhor, do Governo do Estado  em parceria com a Prefeitura Municipal de Remanso juntamente com a  Secretaria de Agricultura. O secretário Alair Rodrigues aproveitou a oportunidade e relembrou aos  agricultores familiares que estará entregando os boletos do Garantia  Safra no valor de R$ 7,45 até o dia 02 dezembro das 8h às 13h na sede  da Secretaria de Agricultura.

Remanso Online
Política
23 de Novembro / 2014 às 16:00 | 1 Comentário

A presidente Dilma Rousseff recebeu pedidos da esquerda do PT e de representantes dos movimentos sociais para recuar no convite feito à senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) para que assuma o Ministério da Agricultura e pode realmente desistir da escolha. Os recados transmitidos a Dilma carregam apelos do tipo "quem foi para rua lutar por sua eleição não foi Kátia Abreu". Oriunda do DEM, quando fez forte oposição ao governo do PT, Kátia Abreu se transferiu para o PSD de Gilberto Kassab e, depois, para o PMDB. Mas entre os peemedebistas ela ainda é vista como uma estranha no partido e os principais dirigentes da legenda não apoiam a sua indicação. De acordo com informação de um peemedebista, o partido não ficará nem um pouco chateado se Dilma desistir do convite à senadora.

Estadão
Variadas
23 de Novembro / 2014 às 15:00 | Nenhum Comentário

Nesse sábado, dia 22 de novembro a Associação da Comunidade Quilombola de Nova Jatobá realizou a 14ª Festa de Zumbi dos Palmares. O Festejo cultural é uma homenagem a Francisco (Zumbi), negro que lutou pela liberdade dos escravos brasileiros em Palmares, nos anos de 1600. Centenas de pessoas prestigiaram o Evento em Nova Jatobá, que fica a 10 km de Curaçá. Além de Nova Jatobá, fazem parte da Comunidade também as localidades de: Rompedor, Primavera, Rompedor, Caraíbas e Sombra Quixaba. Participaram também do Evento: a Secretária de Educação, Valdelina Aquino; o Diretor de Cultura, Sérgio Ramos; a Cerimonialista do Município, Ângela Costa; a Representante Local, Maria Lúcia; os vereadores Deroaldo Júnior e Beto Araújo; Elieuzina Rodrigues, representando a Secretaria de Ação Social e Cidadania, assim como lideranças locais a exemplo de Maria Isabel e Valério Gonçalves.

O Evento teve início pela manhã com o desfile dos alunos da escola local, Aparecida do Norte, que prestaram diversas homenagens ao herói de Palmares e também à Comunidade. Logo após, aconteceu uma amistosa partida de futebol, onde se enfrentaram as equipes Jatobá e Curaçá. O time de Curaçá teve o reforço do jogador Bibiu, profissional que atualmente joga no futebol da Bélgica. Mesmo assim, o Jatobá levou a melhor e venceu com o placar de 3x1.

À tarde, na sede da Associação aconteceram as apresentações. O prédio ficou ornamentado com tambores artesanais do comunicador Zé Íris (Programa Reggae Natureza da rádio Curaçá FM), esculturas de representações negras feitas pelos artistas plásticos Rivonete Cavalera e Rosevaldo Ferreira. Um mosaico com fotos e pequenos textos foi exposto elaborado pelos jovens que participam do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – SCFV Jovem de Curaçá. Logo após, o SCFV – Terceira Idade apresentou uma encenação do trabalho com mandioca para produção de farinha e também cantigas de roda, acompanhados pelo cantor Fernandinho Ferreira. Logo após, Roque França, Bosco Araújo e o músico Robinho, fizeram uma benção à Festa de Zumbi. Roque leu um trecho da Bíblia Sagrada a respeito da necessidade dar continuidade a uma luta. "Toda luta do povo de Deus começa e deve continuar. Essa luta começou com Zumbi também. Ele não conseguiu tudo o que os negros almejavam, mas cabe a nós darmos continuidade a essa luta e conquistar mais coisas", proferiu Roque. A jovem Érica Pereira, recitou a poesia "A cruz da estrada" de Castro Alves. "Essa festa representa a libertação de uma raça que lutou por isso", disse Érica. Após houve um ato público em que falaram Sérgio Ramos, Elieuzina, os quais exaltaram e Festa, da sua importância para a cultura de Curaçá; e falaram da parceria da Prefeitura. Então, Edilson Pereira, Presidente da Associação de Nova Jatobá, fez um emocionante discurso. "Todos aqui tem a obrigação de vir pra cá fazer essa homenagem a Zumbi, pois foi ele que lutou para que quebrássemos as algemas que nos botavam. A gente era tratados como animal e Zumbi liderou nossa liberdade, nossos direitos. Nós, que somos negros, precisamos valorizar isso e tirar a nova algema que é o negro que não se reconhece como negro, não se alegra com sua cor maravilhosa e não valoriza sua cultura, sendo que muitos morreram para que ela existisse. Nós precisamos soltar as algemas da nossa ignorância", disse o Presidente que agradeceu a todos que contribuíram para a Festa e ainda fez menção a antigos líderes da Comunidade, a exemplo de: Waldemar, Zué, Quizin, Jota e Manu. Após, houve uma encenação teatral de uma peça de Sérgio Ramos, que a dirigiu juntamente com Jane Oliveira. A encenação feita por membros da Capoeira Redimidos pautou a história de Zumbi e arrancou muitos aplausos dos presentes. Eles ainda fizeram uma roda de capoeira. O coral do Grupo de Dança da Escola Caminhos da Cidadania – CDECC também fez apresentação. Foram duas canções: o Hino da África e uma homenagem do Professor Sérgio Souto (in memorian) ao povo africano. Depois, um grupo da Fazenda Caraíbas fez cantigas de rodas com rimas da tradição local. Por fim, à noite, houve show musical com o cantor Cassiano Ricardo.

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto – SAAE de Curaçá forneceu água potável aos presentes; O Governo Municipal disponibilizou transporte, carro de som, carro de apoio e enfermeiro; e deu apoio na organização e condução da Festa. A Polícia Militar garantiu a segurança do Evento.

Ascom PMJ
Variadas
23 de Novembro / 2014 às 14:00 | Nenhum Comentário
 
Concluintes de cursos de bacharelado, licenciatura e tecnólogo de todo Brasil devem fazer neste domingo (23) o Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade). A expectativa é que 483,5 mil estudantes matriculados em 1,48 mil instituições de educação superior façam o exame. Os estudantes têm até amanhã para preencher o questionário do estudante, usado para subsidiar a construção do perfil socioeconômico dos participantes. O preenchimento é obrigatório e o universitário deve se identificar por meio do CPF, pelo nome ou pelo curso. Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), aqueles que não responderem ao questionário estarão em situação irregular com o Enade e poderão ficar impedidos de colar grau e receber o diploma, mesmo que façam o exame. Os portões dos locais de prova abrem às 12h (horário de Brasília) e as provas começam às 13h. Os estudantes terão quatro horas para responder ao exame e têm de permanecer no local da prova por pelo menos uma hora para poder assinar a lista de presença. As informações são da Agência Brasil. 
Agência Brasil
Charges
23 de Novembro / 2014 às 13:00 | Nenhum Comentário

Pela segunda vez, a primeira foi em 2011 debaixo de muita chuva, o cantor e compositor Fábio Júnior participou do projeto Gold Friends em Juazeiro, comemorativo do décimo primeiro ano. O show foi “íntimo” que marca o 25º álbum do artista.

Milhares de pessoas de todas as idades lotaram o espaço da Via Show, antiga Nossa Casa e interagiram o tempo com o artista que foi bem simpático o tempo todo.

O show "Íntimo" apresentou várias composições próprias e algumas releituras de outros artistas, como "Dias Melhores", de Jota Quest, e ainda "Do Fundo do Meu Coração", de Roberto e Erasmo Carlos.

Foi um show à altura do público e dos empresários que anualmente bancam o “Gold Friendes”, ou seja, inesquecível.

Variadas
23 de Novembro / 2014 às 12:00 | 10 Comentários

Sem distinção partidária políticos de todas as matizes, empresários, líderes comunitários, clubes de serviços e representantes das diversas organizações da sociedade civil compareceram à sessão solene de entrega do título de cidadão juazeirense ao empresário, secretário e político Carlos Neiva na noite desta sexta-feira (21/11), no teatro João Gilberto.

Com um vídeo em que alternaram depoimentos dos mais diversos, entre eles o de Paulo César Carvalho, relembrando o apoio que recebeu do então estudante de agronomia Carlos Neiva enquanto vereador; do atual presidente da Associação Comercial de Juazeiro, Paulo Henrique, da sobrinha, do prefeito Isaac Carvalho, do advogado Jaime Badeca, Vice Presidente do PSOL e de vários outros, sempre relembrando apoios, incentivo, ressaltando a figura ímpar de Neiva, a solenidade marcou pela importância das presenças e pelo entusiasmo da recepção ao homenageado.

Estiveram presentes o prefeito de Juazeiro, Isaac Carvalho; secretários, o jornalista Carlos Brito, A SOAMAR representada por João Tosta, o Presidente do PSDB em Juazeiro, Sales; a ex-secretária de Educação Walquiria Brito, a Diretora da Rádio Juazeiro, Margarida Benevides; o ex-prefeito Rivadávio Ramos, o coronel e escritor Geraldo Dias de Andrade; o poeta, musico e publicitário Mauriçola; demonstrando a diversidade e a amplitude da amizade e reconhecimento que Carlos Neiva conseguiu ao longo dos anos em Juazeiro.

Para o autor da proposta, Vereador Damião Medrado, ressaltando que a proposta lhe foi sugerida pelo Professor Eurico Serafim: “Mais do que Justiça nós vereadores lhe concedemos um título que você já tem no coração, que é filho de Juazeiro”.

Estiveram presentes à sessão solene, os vereadores Pedro Alcântara Filho, Agnaldo Meira, Sargento Bastos, Zó, Tiano Felix, Neguinha da Santa Casa, Caffé do Oito, Bené Marques, Anderson da Iluminação e Suzana Ramos. Além das presenças diversas mensagens foram recebidas e lidas, entre elas a do deputado Federal Daniel Almeida e de Edilson Nogueira, Vice Presidente da FIEB.

Emocionado Carlos Neiva, nascido em Conceição do Almeida, em Juazeiro desde 1985, Engenheiro Agrônomo pela FAMESF, atual UNEB, casado, empresário e político, agradeceu as homenagens, as presenças, aos vereadores, relembrou sua caminhada e resumiu: “A vida me trouxe a Juazeiro. Ficar aqui, constituir família, empreender, foi escolha da alma. Contribuir com esta cidade é um dever que faço e farei com alegria e entusiasmadamente para retribuir tudo o que recebi”.

Por Manoel Leão da Ascom CMJ Foto: Joselito Tavares
Política
23 de Novembro / 2014 às 11:00 | Nenhum Comentário

Os agricultores familiares de Sento-Sé, inscritos no Programa Garantia Safra 2014/2015, referente à safra de verão, têm até o dia 30 de novembro para pagar o boleto nas agências da Caixa Econômica Federal ou casas lotéricas.

O Garantia Safra é um seguro para garantir condições de sobrevivência a agricultores que tiverem perda de, no mínimo, 50% da lavoura nas localidades atingidas por seca ou excesso de chuva. O boleto no valor de R$ 6,35 deve ser retirado na secretaria municipal da agricultura, no horário que compreende das 08:00 hs às 14:00 hs. Esse ano o seguro Garantia Safra pagou cinco parcelas de R$ 170,00, que totalizaram uma renda de R$ 850,00, por produtor.

De acordo com o secretario da Agricultura de Sento-Sé, Catarino Reis, o município conta hoje com quase três mil trabalhadores cadastrados e beneficiados. Catarino lembra que até 2008, o município não pagava o aporte financeiro e os agricultores não recebiam o beneficio.

Ascom Sento-sé
Variadas
23 de Novembro / 2014 às 10:00 | 1 Comentário

A Literatura de Juazeiro e Petrolina em provocação. É a partir deste tema, que o Sesc Petrolina dá início, nesta segunda-feira (24), às 15h, no Teatro Dona Amélia, ao projeto Entre Margens: encontro com a literatura. Para a mesa de abertura, foram convidadas a mestre em Teoria Literária Elisabet Moreira e a historiadora Odamaria Macedo, com mediação da poeta Cida Pedrosa. Na seqüência, às 20h, o Núcleo de Teatro do Sesc apresenta o recital Palavras Andantes.

Daí em diante, a programação segue com recitais, mesas redondas, intervenções, lançamentos, relançamentos de obras literárias e a presença de nomes importantes da literatura nacional, a exemplo da jornalista, pintora e escritora com mais de 50 livros publicados, Marina Colassanti, que fará uma palestra às 20h, na terça-feira (25), também no Teatro Dona Amélia.

Ainda na terça-feira, a partir das 15h, uma mesa com os poetas Bruno Liberal e Cida Pedrosa vai tratar do tema: Correntezas do Século XXI.  A mediação ficará por conta do gerente de cultura do Sesc Pernambuco José Manoel Sobrinho. Logo depois, às 18h, todos serão convidados à Porta do Rio (na Orla 1), onde vai acontecer a intervenção Palavras Andantes.

Pedras ao Infinito

Neste encontro dedicado à arte da palavra, o tema da mesa da quarta-feira (26), será O autor local perspectivas de uso em sala de aula, com a atriz e escritora Cátia Cardoso, o poeta e professor Pinzoh (Josemar Martins), o professor Genivaldo Nascimento e a mediação da professora Edneide Torres. Às 18h, a Porta do Rio recebe novamente a intervenção Palavras Andantes e os escritores Klébia Peixinho e Tito Souza lançam o livro Pedras ao Infinito às 19h no Terraço da Galeria de Artes Ana das Carrancas. Para concluir a programação da quarta-feira, os atores Antonio Pablo e Fernanda Luz mostram às 20h, no teatro Dona Amélia o recital Lembranças de Pedras, sobre a obra do poeta José Raulino Sampaio.

Para discutir o tema da quinta-feira (27) - Auto publicação possibilidades de navegar, foram convidados ao palco do Teatro Dona Amélia a professora e escritora Socorro Lacerda, os poetas Luiz Hélio Alves e Virgilio Siqueira, com mediação do poeta e jornalista Carlos Laerte.

Na seqüência, a Porta do Rio volta a apresentar a intervenção Palavras Andantes, às 18h e às 19h, o público será convidado ao terraço Galeria de Artes Ana das Carrancas para o relançamento de vários livros de autores regionais. O poeta Virgilio Siqueira e o músico Davi Siqueira apresentam às 20h, no teatro Dona Amélia o recital O menino e o poeta.

E encerrando o encontro, na sexta-feira (28), o projeto Sonora Brasil apresenta às 20h, no teatro Dona Amélia o espetáculo Quinteto Brasília – um dos principais grupos de câmara da região Centro-Oeste e um dos poucos quintetos clássicos de sopro em atividade no país.

CLAS Comunicação & Marketing
Policial
23 de Novembro / 2014 às 09:00 | 3 Comentários
 
Foi-se o tempo em que morar em cidades do interior era sinônimo de tranquilidade. Hoje em dia, assustados, muitos temem pela própria vida e estão abandonando o reduto interiorano para morar nas grandes metrópoles. A criminalidade sempre existiu, mas hoje está migrando com mais força para essas localidades, onde o desenvolvimento ainda nem chegou. Os ataques a bancos já estão entre os crimes mais praticados no interior do Brasil, e os ingredientes são sempre os mesmos: explosões, reféns, tiros, roubos e mortes. Esse tipo de crime já virou rotina em todo o País, porém, um dos estados mais atingidos por essa "febre" chama-se Bahia.

Aproveitando o número reduzido de policiais, os bandidos invadem os pequenos municípios e roubam dinheiro dos caixas e cofres utilizando explosivos. As autoridades, se quisessem, já poderiam ter tomado providências, visto que a tática é sempre a mesma. Parte da quadrilha se desloca para os pontos estratégicos das cidades, outros elementos encurralam policiais nas delegacias, atirando sem parar e danificando as viaturas e as instalações. Ao mesmo tempo, outra parte do bando segue para as agências e postos bancários, coloca explosivos nos caixas eletrônicos ou nos cofres e provocam a detonação.

Números

Segundo dados do Sindicato dos Bancários do estado, ocorreram neste ano 207 ataques a bancos, sendo apenas 28 em Salvador e 179 no interior, principalmente em cidades com menos de 25 mil habitantes. Dos bancos, o do Brasil e o Bradesco são os alvos favoritos, com 94 e 68 ocorrências, respectivamente. A pior parte sempre sobra para o cidadão, que fica refém da própria sorte, esperando a próxima explosão.

Por José de Oliveira, jornalista
Variadas
23 de Novembro / 2014 às 08:00 | Nenhum Comentário

Neste domingo chegam a região os professores Amit Bhattacharyya, Doutor em História pela Universidade de Calcutá na Índia e Victor Onésimo Martin Martin Doutor em Geografia, Professor titular de Análises Geográfica Regional do Departamento de Geografia da Universidad de La Laguna na Espanha. Os professores são atualmente os maiores teóricos sobre a vertente marxista do Capitalismo Burocrático no mundo. Eles vêm participar do V SEMINÁRIO INTERNACIONAL SOBRE CAPITALISMO BUROCRÁTICO NA EXPLICAÇÃO DO SUBDESENVOLVIMENTO E DO ATRASO SOCIAL: BRASIL, ESPANHA E ÍNDIA.  O professor Amit fará conferência de abertura na segunda feira, dia 24 às 19 h,  com o tema “O capitalismo burocrático na Índia” e o professor Martin Martin além de ministrar o minicurso sobre o Capitalismo Burocrático, também proferirá conferência com o tema “A semifeudalidade na Espanha”, na quarta feira, dia 26 às 19 h. O evento será realizado no auditório da FACAPE de 15 às 22 h, com intervalo para o jantar e as inscrições estão abertas ao  público presencialmente na UPE Campus Petrolina ou pelo sitehttp://vseminariocb6.webnode.com//.

Variadas
23 de Novembro / 2014 às 07:00 | Nenhum Comentário

Foi prorrogado até a próxima quarta-feira, 26, o prazo de votação na eleição do Conselho Estadual de Cultura. A ampliação do calendário foi uma decisão da comissão eleitoral que organiza o pleito. Para votar, os eleitores cadastrados devem acessar a plataforma de votação (http://cec.plataformavirtualdevotacao.com.br/) munidos de CPF e da senha. Os 20 conselheiros eleitos (10 suplentes e 10 titulares) serão membros da sociedade civil, que ocuparão cadeiras destinadas aos representantes dos segmentos culturais e processos do fazer cultural da Bahia. Mais informações estão disponíveis no site do Conselho de Cultura (http://conselho.cultura.ba.gov.br/)

Comunicado

Charges
22 de Novembro / 2014 às 23:00 | 1 Comentário

Por Valmir Assunção*

O mês de novembro é todo dedicado a manifestações, homenagens e protestos ligados aos temas defendidos pelo povo negro do Brasil. Cotas raciais no ensino e no serviço público, estatuto da igualdade racial e intolerância religiosa, além do fomento direcionado para editais, programas e projetos culturais e de lazer voltados para os negros são alguns exemplos de avanços nos governos do PT. E vamos dar prosseguimento aos embates envolvendo setores de produção, segurança pública, educação, lazer e reparação social, porque é importante reparar os danos causados em séculos de direitos negados. O povo negro e todos os povos tradicionais neste país sabem que agora têm e terão espaço e voz no Brasil. Nossa presidenta Dilma segue esse debate, iniciado pelo ex-presidente Lula, e para ampliar as ações sancionou a lei de cotas no serviço público, o que, por si só, já a deixa à frente dos governantes anteriores.

O fato de Dilma ter afirmado em campanha que depois dela o governo olha especialmente para os negros deixou evidente a necessidade de ampliar os debates de casos como o fim dos autos de resistência e, consequentemente, do extermínio da juventude negra, que assistimos diariamente nos jornais, na TV e na internet. É importante lembrar que essa abertura de diálogo foi mantida e precisa ser canalizada para os estados. Na Bahia, o governador sancionou o Estatuto da Igualdade Racial e Combate a Intolerância Religiosa, que elaborei junto com o movimento negro e o povo de santo, ainda como deputado estadual. Essa peça é uma das mais importantes, abrangentes e avançadas ferramentas para a nossa luta.

Já disse anteriormente, em outro artigo, que viver no estado que tem o primeiro estatuto deste tipo no país é uma honra. Fazer parte desse processo me torna ainda mais seguro de que esse instrumento, fruto da luta do povo negro, é reparador de uma ferida que penamos para cicatrizar. E isso é apenas o início de algo grandioso e ainda mais denso, que envolve nossos jovens negros, que infelizmente continuam sendo assassinados dia a dia. Vamos erradicar de uma vez esse ciclo de violência, para que nossos filhos possam viver sem serem discriminados. Não é uma batalha fácil e requer a atenção de todo o movimento negro, mais unido e ainda mais forte. Esta tem que ser ainda uma luta de toda nossa sociedade.

41 anos do Ilê Aiyê

Em novembro, duas datas estão entre as mais importantes do mês: o dia 1º e o dia 20, aniversário do primeiro bloco afro do Brasil, Ilê Aiyê, que completou 41 anos, e a data celebre da Consciência Negra. Em discurso na Câmara Federal, falei da grande festa que foi realizada no Curuzu, na Senzala do Barro Preto, em Salvador, onde estive com tantos companheiros e companheiras. Saúdo o Vovô do Ilê, líder do bloco, que cumpre o importante papel de representar a preservação, a valorização e a expansão da cultura afrobrasileira.

O aniversário de criação do bloco coincide com o início do Mês da Consciência Negra, quando as atenções do povo negro, do povo de santo, das religiões de matriz africana e de todos os que lutam contra o racismo, a intolerância e o preconceito se voltam para as diversas manifestações culturais que acontecem em diversos bairros de Salvador, e mais particularmente no Curuzu, na Senzala do Barro Preto, sede do Ilê, na Liberdade, onde se concentra grande parte da população negra da capital baiana.

O aniversário do Ilê também foi um momento de lembrar Mãe Hilda, que conduziu a matriz religiosa de todo o grupo que se organiza através do Ilê. São fatos que fizeram a própria história da Bahia e do seu povo, e que tornam do Ilê um dos principais referenciais do movimento negro em Salvador, na Bahia e no Brasil.

Consciência Negra

Já o dia 20 de novembro no Brasil é o que podemos chamar de data magna dedicada à reflexão sobre a luta do povo negro na sociedade brasileira. É o dia da morte de Zumbi dos Palmares, que aconteceu no ano de 1695. É para sempre ser lembrado com todo o respeito, ele foi e é o nosso maior símbolo da resistência do povo negro à escravidão em sua época, e a escravidão travestida que ainda existe hoje. O movimento negro celebra a data com eventos culturais, educativos e reivindicatórios. Temas como o fim dos autos de resistência, a inserção do negro no mercado de trabalho, bem como a sua equiparação com os brancos no que se refere à posição de trabalho e salário, cotas raciais no ensino e no serviço público, afirmação das etnias, e valorização da beleza negra são assuntos importantes para o fim do preconceito no país e por mais igualdade.

Homenagem a Mário Gusmão

Considerado como o idealizador dos movimentos negros de Ilhéus e de Itabuna pelos militantes dos municípios, Mário Gusmão também merece toda a honra neste mês de novembro. O artista viveu seus 68 anos com intensa produção, participou de dezenas de peças de teatro, novelas e seriados da televisão brasileira, assim como atuou em dezesseis filmes, além de inúmeros espetáculos de dança. Gusmão ganhou destaque no cinema por meio dos filmes de Glauber Rocha, no período de maior efervescência cultural do Brasil. É mais um exemplo de que a luta deve ser contínua neste país.

Violência contra negros

Os dados da Anistia Internacional mostram que ainda vivemos uma realidade perversa, apesar de termos uma população predominantemente negra em diversos estados, como a Bahia, por exemplo. O Brasil está entre os países onde mais se mata no mundo, superando países em situação de guerra. Em 2012, foram 56 mil jovens entre 15 e 29 anos vítimas de homicídios. E, desse total, 77% eram negros. São dados que não podem ser ignorados e a realidade é que não se pode sofrer com a indiferença de boa parte da sociedade brasileira. Esse é um dos grandes desafios que devem ser enfrentados. Esses dados não são apenas um alerta, mas sim um grito de socorro.

Precisamos da realização concreta das políticas sociais de inclusão que os negros, os pobres e os menos assistidos tanto almejam. É por essas razões que é preciso avançar na luta contra o extermínio do povo negro. Saúdo a resistência e atuação política de movimentos tão importantes, como o Reaja ou Será Morto, a Coordenação das Entidades Negras (CEN), o Movimento Negro Unificado, Coordenação Nacional de Entidades Negras na Bahia (Conen), Fórum de Entidades Negras, todos os terreiros que expressam a religião de matriz africana, todos os territórios quilombolas que guardam a nossa memória de negros e negras.

*Valmir Assunção é deputado federal do Partido dos Trabalhadores

Esporte
22 de Novembro / 2014 às 22:33 | Nenhum Comentário

O torcedor vascaíno sofreu ao acompanhar as inúmeras derrapadas do time na Série B, imaginou o pior, mas finalmente respirou aliviado. E o momento mais importante do ano não poderia ter outro desfecho. Com mais uma atuação irregular e debaixo de vaias ao apito final, o Cruzmaltino empatou com o Icasa por 1 a 1 - gols de Kleber e Nilson - e confirmou o retorno à elite em um Maracanã lotado neste sábado.

A campanha recheada de tropeços fez a possibilidade de título se esvair rodadas atrás. Mas os 63 pontos conquistados e o 3º lugar na tabela foram suficientes para garantir a tímida festa no palco que sediou por tantas vezes títulos históricos. Entre lágrimas e canções exaltando a história centenária, ficou uma certeza aos torcedores que acompanharam a segunda disputa de Série B desde 2009: o desejo de retomar a trajetória de vitórias e jamais vivenciar novamente drama semelhante.

Fases do jogo: O Vasco partiu com tudo para cima do Icasa logo no início do jogo. No ritmo da arquibancada, o time enfileirou três oportunidades de gol antes mesmo dos 5min. As chances viraram combustível para a torcida e empolgaram a equipe. Mesmo assim, o cuidado com os contragolpes dos visitantes era imprescindível.

Aos 11min, Douglas acertou um belo voleio. Busatto espalmou. Aos 19min, novo lance de perigo em arremate de Maxi Rodríguez e conclusão precipitada de Douglas. O Icasa respondeu aos 22min. Mauri puxou contra-ataque e cruzou rasteiro. Nilson chegou atrasado e a bola passou quase por cima da linha. Aos 23min, Martin Silva fez defesa espetacular em chute de Mauri.

A angústia cruzmaltina terminou aos 34min. Depois de tanto insistir e deixar a torcida aflita, Douglas cobrou falta e Kleber testou livre para o fundo gol. O Maracanã explodiu ao som de "Vamos subir, Vasco". A partir daí, a expectativa pelo apito final cresceu ainda mais. Porém, ainda era necessário aguardar todo o segundo tempo.

Uol Esporte

publicidade

51 anos de vida, 33 destes dedicados à informação com credibilidade. Este é Geraldo José um dos funcionários mais antigos da pioneira Rádio Juazeiro
Blog do Geraldo José. © 2009 - Todos os direitos reservados.
Curta nossa fanpage